Homem arrisca a própria vida para salvar mais de mil cães em Festival de Carne de Cachorro na China


4523 shares Compartilhar Tweet WhatsApp

O americano Marc Ching, fundador da “Animal Hope and Wellness Foundation”, e sua namorada, salvaram mil cães que seriam mortos para servirem de comida durante o Festival de Carne de Cão de Yullin.

O festival acontece todos os anos na cidade, que tem 7 milhões de habitantes e fica no sul da China. Ele acontece no início do solstício de verão, por uma crença de que a carne canina faria o corpo suportar melhor o calor.

Cerca de 10 mil cães são mortos em matadouros improvisados na rua, cozidos e servidos ali mesmo.

O casal conseguiu resgatar mais de 1000 cães fingindo que eram compradores. Eles os enviaram para os EUA, para serem tratados e reabilitados.

Todo ano Ching viaja para a cidade de Yullin para tentar acabar com o festival.

Depois de aprender sobre a prática brutal de torturar cachorros antes de matá-los durante o Festival na China, Ching sabia que sua vida nunca mais seria a mesma, assim como as dos cachorros que seriam torturados.

“Havia cães, gatos, coelhos e medo que transpiravam das paredes com tanta intensidade, que o próprio medo parecia ter medo de enfrentar a morte e morrer sozinho”, relata Ching.

O site de Ching, “Animal Hope and Wellness Foundation” tem como objetivo mostrar para o mundo a inimaginável angústia e sofrimento que esses cães sofrem, com esperança de que o governo crie leis para proteger esses animais dessa tradição bárbara e cruel.

Mas pelo menos temos uma boa notícia: Ching afirma que tem colhido bons resultados: menos animais abatidos e um número menor de carne de cachorro sendo oferecida para consumo.

A fundação também mantém o site www.reportanimalabuse.org, onde cidadãos preocupados podem deixar dicas sobre possíveis casos de abuso animal local. Ching e sua equipe são chamados a ajudar em abrigos de animais locais quando eles descobrem algum caso de abuso animal.

A luta ainda é grande, mas se você quiser ajudar, pode clicar aqui.

Vamos repassar essa causa para tentarmos acabar com essa tortura aos bichinhos.

Assista ao vídeo onde Ching explica melhor:

Fotos: Divulgação


Comentários no Facebook

Acessar

Resetar senha

Voltar para
Acessar
Escolher um formato
História
Lista