Idosos de lar cuidam de gatinhos órfãos resgatados e promovem sua adoção

O convívio com os gatinhos traz felicidade e estimula a socialização e também a memória dos idosos.


Em Tucson, no Arizona, um lar de idosos está levando gatinhos órfãos para fazerem companhia e receber carinho dos moradores.

A ideia partiu de Rebecca Hamilton, funcionária do lar Catalina Springs Memory Care, que trabalha nas horas livres como voluntária no Pima Animal Care Center (PACC).

Para Rebecca, o convívio com os gatinhos traz felicidade e estimula a socialização e também a memória dos idosos. O programa começou em outubro deste ano, com dois filhotes de gatos, Pêssego e Tartaruga.

Os bichanos resgatados foram alimentados pelos idosos e receberam muito amor. Passado um mês, eles estão saudáveis e prontos para serem adotados. O lar diz que isso não seria possível sem a ajuda dos idosos.

“O desejo de dar e receber amor permanece. Os gatinhos nos deram a oportunidade de alimentar esta condição humana que está em cada um de nossos residentes.”, observou Sharon Mercer, diretora executiva do lar Catalina.

Veja as fotos:

idosos1

idosos2

idosos3

idosos5

idosos4

Com informações do Catraca Livre / Fotos: Reprodução

Comentários no Facebook

Acessar

Não tem uma conta?
REGISTRAR

Resetar senha

Voltar para
Acessar

REGISTRAR

Logar

Voltar para
Acessar
Escolher um formato
História
Lista