fbpx

Prefeito de Buenos Aires vai fechar zoológico da cidade e devolver animais à natureza


PUBLICIDADE ANUNCIE

O zoológico de Buenos Aires, um dos principais pontos turísticos da capital argentina, decidiu fechar suas portas após 140 anos. Hoje, o zoológico abriga 2.500 animais numa área de 44 acres.

“O que temos de valor são os animais. A maneira como eles vivem aqui não é, definitivamente, a maneira correta de fazer isso”, explicou o prefeito, Horacio Rodrigues Larreta, durante o anúncio da decisão.

O zoológico vai virar um “Eco Parque”. Os animais que estão em boas condições de saúde serão levados para reservas florestais. Já os animais muito velhos e que não suportariam voltar à natureza continuaram no zoológico.

PUBLICIDADE ANUNCIE

Novos animais devem chegar ao local, mas não para servir de exposição aos visitantes. Serão animais resgatados e que precisam passar por uma reabilitação para voltarem à natureza.

Apesar de ser conhecido internacionalmente, o zoológico de Buenos Aires já recebeu denúncias que mostravam as condições inadequadas em que os animais eram criados. “A coisa mais importante é romper com o modelo de cativeiro e exposição”, afirmou Gerard Biglia, ativista e advogado dos direitos dos animais, em entrevista para o The Guardian.

Com informações do CICLO VIVO

PUBLICIDADE ANUNCIE

PUBLICIDADE ANUNCIE

Comentários no Facebook

Acessar

Resetar senha

Voltar para
Acessar