Em Fortaleza, Operação Sorriso realiza cirurgias gratuitas de enxerto ósseo


444 shares Compartilhar Tweet WhatsApp

A Operação Sorriso (OS) volta à Fortaleza pela 22ª vez para a realização de suas primeiras cirurgias com enxerto ósseo. A missão humanitária na capital cearense deve realizar cerca de 30 cirurgias em pacientes que já passaram pela correção da fissura labiopalatina, mas ainda necessitam do enxerto, procedimento mais complexo.

A mudança no tipo de procedimento se deve ao fato de o Governo do Ceará e o Hospital Infantil Albert Sabin (Hias), parceiros da Operação Sorriso, terem cumprido a sua missão, não havendo mais demanda reprimida para cirurgias de correção de labioleporino.

“Atualmente, os procedimentos que realizamos mensalmente (média de 36) no hospital consegue atender a demanda, mas o enxerto ósseo, é um refinamento que ainda é necessário para essas crianças”, explica a diretora geral do Hias, Marfisa de Melo Portela.

Como participar

Pacientes e mais um familiar que residem fora de Fortaleza poderão solicitar hospedagem gratuita no dia da seleção. Para eles, a Operação Sorriso também oferecerá transporte do local da hospedagem à instituição de saúde, além de alimentação sem custo. No mesmo dia, os 70 pacientes operados em 2016 poderão retornar para a consulta pós-operatória de 1 ano.

Ao todo, 60 voluntários do Brasil e de outros países, como Estados Unidos e Venezuela, estarão envolvidos no programa. Todos os selecionados possuem experiência em outros programas humanitários da organização e são profissionais de saúde especializados em fissuras labiopalatinas aptos a prestar assistência a pacientes em diversas especialidades, como Cirurgia Plástica, Fonoaudiologia, Anestesia, Psicologia e Odontologia.

Novo procedimento utiliza enxerto ósseo

Há mais de 20 anos, as cirurgias de enxerto ósseo, realizadas a partir da extração de pequenas partes dos ossos da bacia, não integravam a rotina de centros especializados em fissurados. Hoje, elas são procedimentos padrão para casos em que há falta de estrutura óssea próxima à gengiva em pacientes com idade a partir de sete anos que possuem dentição mista.

“Além de ter um protocolo diferente do habitual e de média complexidade, o procedimento exige um pré-preparo ortodôntico para que seja realizado”, explica Dr. Marco Aurélio Gamborgi, cirurgião plástico e presidente do Conselho Médico Multidisciplinar da Operação Sorriso.

A escolha de Fortaleza para a realização das primeiras operações com enxerto ósseo feitas pela Operação Sorriso no Brasil não foi por acaso. “Nossa história no Brasil começou aqui, quando grandes mentes pensaram em grandes soluções. Hoje, nos sentimos orgulhosos e realizados de estarmos concluindo essa etapa final do tratamento com o enxerto ósseo nos pacientes que acreditaram no nosso trabalho, seguiram nossas orientações e chegaram até aqui em condições de realizá-lo”, comemora Ana Stabel, diretora executiva da Operação Sorriso.

Ao todo, já foram atendidas mais de 3,6 mil pessoas em Fortaleza. Os programas realizaram mais de 36 mil consultas e 2,5 mil procedimentos cirúrgicos. Ao longo das 21 missões, a Operação Sorriso construiu uma parceria sólida com o HIAS, que nos intervalos entre os programas humanitários cuidou dos pacientes e proporcionou o tratamento complementar necessário para a reabilitação completa.

“Ficamos muito satisfeitos de ver que os pacientes fissurados de Fortaleza têm uma referência e que os novos nascidos já estão sendo encaminhados diretamente ao HIAS. Porque é somente assim, construindo e fortalecendo a autossuficiência local, que teremos a certeza do encaminhamento correto e poderemos mudar os polos das missões para outros locais, de forma a atingir os mais necessitados no estado”, completa Ana Stabel. A construção dessa força de trabalho foi feita após a Operação Sorriso disponibilizar treinamentos para os médicos locais, que agora passarão a receber conhecimentos para essa nova etapa do tratamento.

Parcerias são fundamentais para que o trabalho seja realizado com sucesso. A Operação Sorriso é patrocinada por empresas como Azul Linhas Aéreas, Johnson&Johnson, White Martins, Abbvie, Alfacomputer, Approach Comunicação Aumund, Bradesco Seguros, Citi, Associação Citi Esperança, Comerc, Comunicare Consultoria de Comunicação, Cristália, Day Pharma, Eu amo papelão, F/Nazca S&S, Hasbro, Icatu Seguros, Infobip, LDS Church, Medtronic, Mundotraduz, Pepsico, Rastru, Rei do Malote, Repsol Sinopec Brasil, Rotary Club – Chácara Flora, Seteco, Schivartche Advogados, The British School e Way Models.

A Associação Brasileira de Cirurgia Crânio-Maxilo-Facial (ABCCMF), Projeto Genoma, Marinha do Brasil, Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP), Governo do Estado do Ceará – Secretaria de Saúde, Hospital Infantil Albert Sabin, Associação Beija-Flor/Funface e Lar Amigos de Jesus também são parceiros institucionais da organização. Veja a lista completa no site www.operacaosorriso.org.br.

SERVIÇO

Programa Internacional de Fortaleza (CE)

Dia de seleção dos pacientes: 28 de outubro de 2017

Horário: a partir das 8h

Datas das cirurgias:  De 30 de outubro a 2 de novembro de 2017

Informações: (85) 3101-4214

Local: Hospital Infantil Albert Sabin (Rua Tertuliano Sales, 544 — Vila União)

Sobre a Operação Sorriso

A Operação Sorriso é a maior organização médica voluntária do mundo. Reúne profissionais de 60 países para ajudar exclusivamente a pessoas nascidas com deformidades faciais, especialmente lábio leporino e fenda palatina. Em quase 35 anos de trabalho, já transformou a vida de mais de 240 mil crianças pelo mundo.

No Brasil, as ações tiveram início em 1997 e já foram realizados mais de 98 mil exames e avaliações especializadas e mais de 5,1 mil cirurgias em doze estados brasileiros.

Só em 2016, a organização realizou mais de 4300 avaliações médicas e ultrapassou o número de 370 cirurgias. Tudo gratuitamente, devolvendo a dignidade, funcionalidade e autoestima para milhares de pacientes.

Para ajudar

Quem quiser ajudar pode fazer doações em dinheiro (que facilitam compras em grande quantidade): http://www.operacaosorriso.org.br/index.php/get-involved/doacao-financeira/

Doações para Operação Sorriso podem ser feitas direto em conta:

Associação Operação Sorriso do Brasil

CNPJ: 08.691.563/001-85

Banco Itaú – 341

Ag: 8729 C/C: 23082-4

Comunicar depósito através do e-mail: [email protected]

Relatórios financeiros disponíveis no site (http://www.operacaosorriso.org.br/index.php/operacao-sorrisoquem-somos/financeiro/)

As empresas também podem apoiar a Operação Sorriso com recursos financeiros, humanos ou contribuições em espécie ou através de parcerias corporativas.

Paulo Fabre

Foto de capa: Marc Asher


Comentários no Facebook

Acessar

Resetar senha

Voltar para
Acessar
Escolher um formato
História
Lista