Após críticas sobre representatividade, Ed Skrein abre mão de personagem no reboot de “Hellboy”

Decisão difícil, mas ética.


Ed Skrein
169 shares Compartilhar Tweet WhatsApp

O ator Ed Skrein não coleciona grandes papéis na sua carreira. Seu personagem mais conhecido na telona é o vilão de DeadPool. Skrein também interpretou o primeiro Dario em Game of Thrones. O convite para interpretar o personagem asiático Major Ben Daimio no reboot de Hellboy poderia alavancar sua carreira, garantir novos contratos para o ator, com uma grande atuação.


Sem tempo de ler? Ouça e entenda a incrível atitude que o ator tomou!

A questão é que o ator não se parece em nada com o personagem dos quadrinhos. Afinal, ele não possui ascendência asiática. Em tempos em que a representatividade de minorias excluídas é cada vez mais debatida, inclusive no cinema, os produtores do filme deveriam contratar um ator com traços asiáticos. Dizer que não existem atores orientais bons o suficiente para interpretar esse ou aquele personagem é um argumento que nunca colou, e não é agora que vai colar.

Ed Skrein

O próprio ator tomou a difícil decisão de abrir mão do papel. Difícil, mas ética. Skrein soltou um comunicado na sua conta pessoal no Twitter esclarecendo as razões que o fizeram desistir do personagem. “Eu aceitei o papel sem saber que o personagem dos quadrinhos era de origem asiática. Houve muitas conversas e uma compreensível preocupação/decepção desde o anúncio e eu devo fazer aquilo que me parece certo”, disse.

Como falamos, a decisão de Skrein foi bastante corajosa, considerando os poucos papeis que ele tem no currículo. Mas, um grande ator não se faz apenas com grandes papéis. O caráter da pessoa, muitas vezes, importa mais do que um papel com grande visibilidade. Nada garante que Hellboy será um sucesso de bilheteria. A única certeza até aqui é que Skrein mostrou ter uma lucidez e humildade que falta a atores e atrizes com currículos invejáveis, mas que você não convidaria para tomar um café ou uma cerveja.

Confira o comunicado de Skrein na íntegra (tradução COLLANT):

“Na semana passada foi anunciado que eu estaria interpretando Major Ben Daimio no reboot de Hellboy. Eu aceitei o papel sem saber que o personagem dos quadrinhos era de origem asiática. Houve muitas conversas e uma compreensível preocupação/decepção desde o anuncio, e eu devo fazer aquilo que me parece certo.

Está bem claro que representar este personagem de maneira culturalmente correta é importante para as pessoas, e continuar a negligenciar essa responsabilidade seria continuar uma preocupante tendência de excluir a história de minorias étnicas nas artes. Eu sinto que importante honrar e respeitar isso. Por isso eu decidi desistir do papel para que ele possa ser apropriadamente ocupado.

Representação de diversidade étnica é importante, especialmente para mim que também sou possuo uma origem multifacetada. É nossa responsabilidade tomar decisões morais em tempos difíceis para dar voz à inclusão. Eu tenho esperança que um dia essas discussões se tornem menos necessárias e que nós possamos ajudar a fazer uma representação igualitária nas artes realidade.

Eu estou triste em deixar Hellboy, mas se essa decisão nos trás mais para perto deste dia, então vale a pena. Eu espero que faça a diferença.

Com amor e esperança,

Ed Skrein”

Imagens: Divulgação


Comentários no Facebook

Acessar

Resetar senha

Voltar para
Acessar
Escolher um formato
História
Lista