Clínico que zombou de paciente pede desculpa e se oferece para ser médico da família


22.1k shares Compartilhar Tweet WhatsApp

Todos podemos errar, e reconhecer o erro é uma atitude nobre, e que deve ser recebida com compreensão e de coração aberto.

O médico Guilherme Capel Pasqua, que debochou da forma de falar de um paciente e foi demitido do hospital onde trabalhava, no interior de São Paulo, se retratou pessoalmente. Ele publicou uma foto em seu Facebook abraçado ao mecânico José Mauro de Oliveira Lima, de 42 anos, e segurando um papel com a palavra ‘desculpem’.

“Eu errei, me arrependi e me sinto mal com isto. Este pedido de desculpas vai a todos os brasileiros que se ofenderam com a brincadeira da ‘peleumonia’. Sr. José Mauro hoje tornou-se meu amigo”, escreveu Guilherme em seu perfil pessoal.

O médico atendeu o mecânico na última quarta-feira no Hospital Santa Rosa de Lima, em Serra Negra. Logos após, escreveu em um receituário a frase “Não existe peleumonia e nem raôxis”, fez a foto e colocou no Facebook. A repercussão do deboche foi tamanha, que o profissional acabou sendo demitido. O reencontro do clínico geral e paciente aconteceu na tarde deste domingo, na casa do mecânico. Após uma conversa, eles resolveram a questão. Além do pedido de desculpas, Guilherme se ofereceu para ser médico da família.

medico3

“Fui até a casa do mecânico que virou símbolo nacional. Diante da exposição ao hospital Santa Rosa de Lima de Serra Negra gostaria também de me retratar. Como prova disso, fico à disposição da ONG que ajuda este hospital para realizar plantões voluntariados nos quais todo o dinheiro arrecadado será destinado a ONG que ajuda este hospital. Este sou eu: Guilherme Capel Pasqua”, finalizou o texto em seu Facebook.

Nós aqui do Razões acreditamos que tudo tem os dois lados, e que alguém pode sim se arrepender de algo que errado que fez, afinal somos todos humanos e propensos a cometer falhar, mas é importante mostrarmos a solução dessa história e que a família, ao final de tudo, terá uma assistência médica.

Um depoimento de uma médica em Minas Gerais havia viralizado muito na web, pois, ao contrário do Guilherme, ela mostrou acolhida e sensibilidade pela história, vejam:

Com informações do Extra.


Comentários no Facebook

Acessar

Resetar senha

Voltar para
Acessar
Escolher um formato
História
Lista