fbpx

Detentos produzem energia elétrica pedalando em presídio de Minas


PUBLICIDADE ANUNCIE

O juiz José Henrique Mallmann, de Santa Rita do Sapucaí, no sul de Minas Gerais, teve a ideia de colocar os presos da cidade para gerarem energia elétrica após ler na internet sobre algumas academais norte-americanas que fazia isso.

No começo, o projeto foi recebido com receio, mas hoje conta com a adesão dos próprios presos.

Os encarcerados de bom comportamento podem utilizar umas das duas bicicletas instaladas no pátio do presídio.

“Controla um pouco da ociosidade, e a cada 16 horas pedaladas eles têm um dia a menos na pena”, aponta o juiz em entrevista ao G1.

Através das correias, as pedaladas geram a energia que carrega duas baterias e no guidão, um aparelho que indica a hora de parar. Outras oito bicicletas devem ser instaladas.

Essas baterias depois de carregadas são levadas ao centro da cidade e iluminam a praça. Depois de todas as biciclcetas instaladas, vão ser capaz de iluminar uma avenida inteira.

Os presos não são obrigados a pedalar, mas a direção do presídio disse que deixar, tem preso que vai queimar energia o dia todo. “Eu estava barrigudinho, emagreci uns quatro quilos”, revela um detento.

Outro benefício da ideia do juiz é que o clima no local melhorou muito também.

“Eles estão se sentido úteis pedalando. Eles estão ganhando remissão e produzindo energia, energia saudável. Hoje se fala muito em sustentabilidade”, diz o diretor do presídio, Gilson Rafael Silva.

bike-presidio-santa-rita-sp-600px

Brasil-Presos-pedalean-iluminar-AP_CLAIMA20120710_0159_19

PUBLICIDADE ANUNCIE

pedalando_presos_iluminam_praca_publica_em_santa_rita_do_sapucai_46145

preso_pedalando_cadeia_01

Presos-produzindo-Eletricidade

presos5

Fonte: G1

PUBLICIDADE ANUNCIE

PUBLICIDADE ANUNCIE

Acessar

Resetar senha

Voltar para
Acessar