fbpx

Publicitário reage com preconceito a nordestinos nas redes sociais e é afastado de empresa


PUBLICIDADE ANUNCIE

Quem imaginaria que um comentário qualquer postado nas redes sociais daria certa comoção? Quando falamos do preconceito, seja a quem for, nesse caso aos nordestinos, infelizmente, é muito fácil encontrar as mais claras evidência de pessoas que seguem essa vertente, sem se preocupar se seus comentários estão ou não atingindo alguém.

Esse foi o caso do Diretor da Unidade de Negócios da Agência de publicidade África, José Boralli, que divulgou uma mensagem com um claro tom de preconceito aos nordestinos logo após o resultado do primeiro turno das eleições ocorrido no dia 7 de outubro de 2018, segundo o site do Metro. Na postagem, ele comenta sobre a preferência dos nordestinos para com o PT. Na publicação ele diz: “Nordeste vota em peso no PT. Depois vem pro Sul e Sudeste procurar emprego!”

Leia também: Estudantes nordestinos levam 59 das 75 medalhas na Olimpíada de História

Porém, não demorou muito para que ele entendesse seu erro e fizesse uma nova postagem pedindo desculpas:  “sinceras desculpas a todos que se sentiram ofendidos”. “A quem eu, por um post infeliz, tenha incomodado. Peço desculpas. Em especial aos nordestinos, tantos que eu inclusive trabalho, minha eterna admiração e respeito”, escreveu.

Mas, ainda bem que o mundo mudou, e pessoas com comentários desse tipo não serão mais toleradas.

nordestinos preconceito

PUBLICIDADE ANUNCIE

Tanto o fundador quanto um dos dois presidentes da agência são nascidos na Bahia: Sérgio Gordilho é o co-presidente e Nizan Guanaes, um dos fundadores. Depois da repercussão do caso, Boralli foi afastado e seu desligamento deve ser anunciado até semana que vem.

Relacionado: Após postagem racista no carnaval, jovem foi demitido: “conduta inadmissível”

A agência, depois do ocorrido, já havia publicado uma nota declarando que tomaria as medidas cabíveis ao caso e alertaram que o posicionamento do empresário não corresponde ao que a empresa prega.

nordestinos preconceito

Realmente uma situação complicada. Imagino que agora todos vão tomar mais cuidado com o que postam pelas redes sociais, afinal qualquer discurso de ódio tem grande chance de acabar mal, não concorda?! Vamos tentar propagar o amor e não o ódio, gente?!

Leia também: Estagiário de construtora é demitido depois de fazer posts machistas no Facebook

Fotos: Reprodução Instagram.

Fonte: Metro.

PUBLICIDADE ANUNCIE

PUBLICIDADE ANUNCIE

Comentários no Facebook

Acessar

Resetar senha

Voltar para
Acessar