Designer japonês cria fonte que une a escrita Braille com a tradicional


23.6k shares Compartilhar Tweet WhatsApp

Existem algumas ideias e inovações que nos fazem perguntar: como, até hoje, ninguém tinha pensado nisso, não é mesmo? Como este alfabeto, que tem a escrita tradicional e em Braille, na mesma tipografia – simples assim. Infelizmente, ainda existem poucos espaços públicos que oferecem a sinalização em Braille. Talvez a chave esteja nessa fonte.

Ela foi desenvolvida pelo designer japonês Kosuke Takahashi e recebeu o nome de Braille Neue. Os pontos em relevo são integrados ao alfabeto tradicional, tornando a fonte possível de ler tanto para os deficientes visuais, quanto para as pessoas com visão normal.

A tipografia foi feita pensando nos Jogos Olímpicos de 2020, Takahashi explica que a fonte também é uma forma de familiarizar o público com o alfabeto Braille.

Propostas como estas podem ser enquadradas como solução aos problemas do dia a dia, de acordo com a metodologia do Design Thinking, onde o design se torna mais do que visual ou questão de beleza e bom gosto, e entra como solucionador estratégico para um problema específico, que no caso era a questão da difusão e maior conhecimento de todos sobre a sinalização em Braille.

Com informações de Designerd

Fotos: Kosuke Takahashi



Acessar

Resetar senha

Voltar para
Acessar