fbpx

Aluna com deficiência auditiva une turma e estimula aprendizado multidisciplinar

Os colegas da aluna mostraram que não existem barreiras para a amizade e a solidariedade.


aluna deficiente auditiva une turma
PUBLICIDADE ANUNCIE

Com apenas 7 anos, alunos do 1º ano do Colégio Marista Pio XII, de Ponta Grossa (PR), mostraram que não existem barreiras para a amizade e a solidariedade.

Para interagir e brincar com a colega de turma, Maria Valentina, que nasceu com deficiência auditiva, a turma mergulhou em uma investigação para entender porque isso acontece e, a partir disso, criar maneiras para se comunicar melhor com ela e conheceram o alfabeto da Libras (Língua Brasileira de Sinais).

aluna deficiente auditiva une turma

Durante o ano, eles conversaram com fonoaudiólogos, professores de Biologia, Ciências, com os pais da Maria e com outros profissionais que mostraram diversos caminhos para tornar a comunicação possível. Para Cibele Bastos Guaringue, coordenadora pedagógica do Ensino Fundamental Anos Iniciais, ver a evolução das crianças ao longo do ano foi uma lição de amizade e protagonismo.

PUBLICIDADE ANUNCIE

aluna deficiente auditiva une turma

“O interesse em conhecer melhor a colega surgiu da turma e os professores foram dando as ferramentas que eles precisavam para progredir na investigação. A cada resposta, surgiam novas perguntas e um mundo novo de informações e possibilidades. Foi encantador assistir à evolução deles”, comentou.

Compartilhe o post com seus amigos!

  • Siga o Razões no Instagram aqui.
  • Inscreva-se em nosso canal no Youtube aqui.
  • Curta o Razões no Facebook aqui.

crédito das fotos: Divulgação

 

PUBLICIDADE ANUNCIE

PUBLICIDADE ANUNCIE

Comentários no Facebook

Acessar

Resetar senha

Voltar para
Acessar