fbpx

“Quero ser zelador quando crescer”: a linda amizade entre aluno e funcionário de escola

Conheça a linda amizade entre amizade entre o estudante Vitor, que tem necessidades especiais, e o zelador Carlos Aberto.


aluno zelador amizade escola

Demora um tempo para que os professores e funcionários de uma escola decorem os nomes dos estudantes, ainda mais se o número de estudantes for muito grande – nem sempre é possível e nós compreendemos. Você também pode apoiar Educação com Visa, sem pagar nada a mais por isso, inscreva-se aqui.

A história muda quando o número de alunos é menor, em relação à maioria das escolas, e, principalmente, quando se pratica uma pedagogia “baseada no amor”, e não em hierarquias que já não funcionam nos dias atuais: professores e funcionários falam, enquanto ao estudante resta apenas escutar e obedecer.

É assim que a coisa funciona no Sítio Escola 4 Elementos, em Contagem, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. Exemplos dessa relação saudável na comunidade escolar não faltam, pelo contrário. Um deles é a bonita amizade entre o estudante Vitor (mais conhecido por “Vitim” <3), de 12 anos, que tem necessidades especiais – mas tira isso de letra, e o zelador do Sítio, Carlos Aberto (“Caubé”), de 45.  

criança lendo debaixo de árvore escola

Olha só a lindeza desse vídeo de uma criança lendo para os coleguinhas debaixo de uma árvore:

“Uma das exigências da direção é que a gente saiba o nome de todos os alunos e alunas, e tratem todas as crianças e adolescentes com respeito, carinho e amor. É sempre um susto para um profissional novo, que vem de outra escola. Alunos e alunas se abraçam, conversam de igual para igual, questionam, brincam”, disse Rafael Mansur, um dos quatro gestores da escola, em entrevista ao Razões para Acreditar. Você também pode ajudar a sua causa preferida por meio do programa Causas Visa. Inscreva-se já e comece a ajudar.

aluno zelador amizade escola

De tão próximos que são, certa vez, Vitor, que está no 6º ano do ensino fundamental, passou mal e Caubé largou o trabalho e foi cantar para o garoto para que ele ficasse bem – Vitim ficou bem rapidinho.

“O Vitor estuda no horário integral, então, de manhã, ele cumpre o horário de aula normal. À tarde, ele tem algumas atividades livres, com acompanhamento, e um tempo de ócio, que é proposto pela metodologia da escola também. E é, à tarde, e no recreio, que Vitor e Caubé fazem tudo juntos. Rastela a escola, limpa o laguinho, cuida dos animais, ajuda a consertar etc.

aluno zelador amizade

Caubé se emociona todas as vezes que ouve Vitor dizer que quer ser zelador como ele. E não é da boca para fora: é comum ele oferecer ajuda a Caubé nas atividades do zelador. Caubé aceita de bom grado a generosidade, mas só depois que ele termina as atividades – ele não precisa de ajudante, mas adora a companhia de Vitim.

aluno zelador amizade escola

Ele é uma benção. Super inteligente, conhece as ferramentas. Ele gosta muito de me ajudar”, disse Carlos Alberto, pai biológico de uma menina de 11 anos, e “pai espiritual”, segundo ele, de Vitor: “Tenho dois filhos, Camila e Vitinho”.

 Apoie causas com Visa, sem pagar a mais por isso. Inscreva-se e ajude já! Aqui.

Imagens: Reprodução/Instagram @sitioescola4



Acessar

Resetar senha

Voltar para
Acessar