Aprovada em Medicina com livros emprestados agora retribui ajuda que recebeu

Para mostrar que esse papo de meritocracia é uma furada.


aprovada em medicina
3247 shares Compartilhar Tweet WhatsApp

Estudante do terceiro semestre de Medicina da UFSC, Giulia Scapini voltou ao projeto Floripa Letrada, onde pegou livros emprestados na época do vestibular, para fazer sua doação pessoal.

Recentemente, ela foi à Secretaria Municipal de Educação, que mantém o programa, para doar 11 livros e apostilas de cursinho. O Floripa Letrada disponibiliza gratuitamente livros e revistas para usuários do transporte coletivo em cinco terminais de ônibus da Grande Florianópolis

“O material que eu peguei me ajudou a ir além do que já havia visto em sala de aula e estudado nos livros e apostilas do cursinho. Muito do que eu peguei, auxiliou-me a aprofundar questões das mais diversas disciplinas”, disse Giulia ao Diário de Santa Catarina.

Material de suporte para o vestibular de Medicina

Graças ao programa, Giulia teve acesso a apostilas de física, matemática, química e geografia, principalmente. Com o material emprestado, a jovem de Curitibanos, que bateu na trave em 2014, passou em sétimo lugar no vestibular de 2015 no curso mais disputado da UFES.

Desde que foi lançado, em 2010, o Floripa Letrada já distribuiu mais de 1,7 milhão de livros à população de Florianópolis. Uma iniciativa louvável da Secretaria de Educação, que tem motivos de sobra para sentir orgulho do desempenho de Giulia e da sua empatia por quem ainda está na batalha do vestibular.

Leia também:

Camareira em hotel de SP deixa bilhete de boas-vindas mais afetuoso que você já viu

Lealdade: Labrador de menino autista não sai de perto dele nem no hospital

Caixas do Sul (RS) instala ponto de ônibus com teto verde que produz energia solar

Foto: Arquivo Pessoal 


Comentários no Facebook

Acessar

Resetar senha

Voltar para
Acessar
Escolher um formato
História
Lista