fbpx

Com caderno de elogios, professora melhora autoestima de alunos

As crianças escrevem elogios para os colegas, para os funcionários da escola e para seus familiares.


professora caderno de elogios autoestima alunos
PUBLICIDADE ANUNCIE

A professora Sandra Cristina da Silva Cassiano criou um caderno de elogios para melhorar a autoestima e aumentar a confiança dos seus alunos, no Centro de Educação Integrada de Maracajaú, em Maxaranguape, no litoral do Rio Grande do Norte.

Sandra e os alunos do 5º ano do Ensino Fundamental confeccionaram os cadernos com folhas de rascunho e decoraram com recortes, colagens e desenhos. As informações são do PORVIR.ORG.

Leia também: Professora aprende 35 idiomas para ensinar alunos imigrantes

Todos os dias, no início ou no final da aula, a turma escreve no caderno elogios com palavras de afeto para os colegas, para os funcionários da escola e para seus familiares.

“É um momento grandioso, que além de estimular a leitura e a escrita, ainda ajuda a melhorar o relacionamento na escola”, afirma Sandra.

A professora conta que a prática, também chamada de “correio da amizade”, aumentou a concentração das crianças nas atividades escolares e que outros professores estão começando a trabalhar com o caderno de elogios.

PUBLICIDADE ANUNCIE

“O projeto está sendo ampliado, e outros professores dos anos finais do ensino fundamental estão trabalhando com essa ideia. O caderno de elogios também é usado pela equipe pedagógica e os demais funcionários da escola. Nós deixamos ele na sala dos professores e em algum momento do dia exaltamos as qualidades dos nossos colegas para manter um ambiente de convívio harmonioso”, explica.

Com vinte anos de experiência em sala de aula, Sandra faz esse trabalho há dez. Foi no momento em que ela começou a se colocar no lugar dos alunos. Segundo ela, as crianças estão acostumadas a passar uma manhã inteira levando broncas, fazendo tudo o que os professores pedem e impedidas de conversar com o colega que senta ao lado.

O caderno de elogios substitui as broncas, melhora a relação com os alunos e entre os próprios alunos.

Mudanças que confirmam a importância de relações fundamentadas no afeto para uma formação integral, que vai muito além de boas no boletim. Tão importante quanto, é a formação de pessoas que se valorizam e valorizam o outro.

“Com uma educação emocional e afetiva, tento preparar as crianças para um mundo novo”, destaca Sandra.

crédito da foto: Rayanna Guesc  

PUBLICIDADE ANUNCIE


Acessar

Resetar senha

Voltar para
Acessar