fbpx

A internet está ajudando a mudar a vida de uma senhora que vende buchas

Essa história nos lembra o poder da internet para mudar a vida das pessoas, que tenhamos mais e mais histórias como essa!


internet muda vida senhora
PUBLICIDADE ANUNCIE

Divina vende buchas vegetais na Praça Saens Peña, no Centro do Rio de Janeiro. Em um sábado, a Bruna Campos passou pela barraquinha improvisada dela e perguntou quanto custava cada bucha, depois disso a vida das duas mudou e a Bruna resolveu usar o poder da internet para tentar ajudar a simpática senhora.

Bruna descobriu que dona Divina trabalhou como empregada doméstica por mais de cinquenta anos. Ela divide uma casa humilde com sua única filha, seis netos e um bisneto, em Nova Iguaçu.

As netas, de 11 e 14 anos, usam o mesmo par de tênis para ir à escola – uma estuda de manhã e a outra à tarde. Divina tinha colocado na cabeça que trabalharia o quanto fosse preciso para comprar um par de tênis para cada neta até dezembro. Ela também falou que precisava urgentemente de um fogão, poderia ser usado, já que o dela, com mais de 30 anos de uso, tem somente uma boca funcionando.

“Que ela inclusive tinha pedido a uma vizinha que procurasse alguém que tivesse um fogão para doar nesse tal Facebook, mas que não tinha aparecido ninguém”, escreveu Bruna.

Bruna além de comprar esponjas de dona Divina, ficou emocionada com tudo o que ouviu, e perguntou se poderia tirar uma foto da dona Divina e divulgar nas redes sociais, para ela conseguir mais clientes. Dona Divina disse que sim, mas pediu um tempinho para arrumar seu cabelo, para poder ficar mais bonita na foto.

Leia também: Garoto de 8 anos sai do carro da mãe e ajuda idosa a subir escada

Bruna postou a foto no Facebook e pronto! Ela começou a receber mensagens de pessoas perguntando como poderiam ajudar dona Divina, com o fogão que ela precisava, os tênis das netas, querendo comprar as buchas dela e oferecendo outras doações.

Foi quando Bruna teve a ideia de criar uma vaquinha online para que pessoas que moram em outros Estados pudessem ajudar dona Divina. A campanha bateu a meta inicial, cerca de 10 mil reais, em menos de dois dias. No total foram mais de 30 mil reais.

“Oi, meus amores. Eu tô agradecendo a vocês, o que vocês fez por mim. Que Jesus dê muita paz, muita saúde, muita alegria. Que dê muitos anos de vida pra vocês. Assim como eu ganhei isso, que todos podia ganhar também. Que tem muita gente sofrendo nesse mundo! Olha, muito obrigado mesmo, de coração! Amanhã, eu tô lá, na porta do Banco do Brasil. Vou chegar na parte da tarde. Se vocês quiser me ver, vai lá, pra me dar um abraço, pra mim beijar vocês”, disse Divina em conversa com o Razões para Acreditar. ❤❤❤❤❤❤

Pouco tempo depois, Bruna voltou ao lugar onde dona Divina vende as buchas para lhe contar sobre as mensagens que recebeu de pessoas querendo ajudá-la.

Divina é só gratidão! Ela fez um vídeo agradecendo todo mundo que está lhe ajudando. Pega o lencinho e dá play no vídeo:

PUBLICIDADE ANUNCIE

NOTICIAS DA DONA DIVINA, post da @brunaclm : Ela chegou mais tarde hoje e eu pude contar toda a mobilização que dela historia gerou. Ela está em êxtase!!!! Várias pessoas queridas também estavam lá na praça aguardando a sua chegada e puderam ver a alegria dela ao descobrir que está “famosa”. Eu disse sobre todas as msgs de carinho que as pessoas mandaram, sobre as doações que já chegaram e estão a caminho e sobre o sucesso da vaquinha, mas que o dinehiro arrecadado só será disponibilizado pelo site em 14 dias… aí ouvi: “eu spero até dois anos minha filha!!” Peguei também mais informacoes e descobri que tem muito mais coisa faltando (“eu nem te contei tudo aquele dia pq é muita coisa”). Ela não tem telefone, mas a neta dela Daniele tem (Dani Souza). A neta me disse, inclusive, que dona Divina é conhecida na região onde mora como “Mainha”, pq acolhe a ajuda a todos que precisam dela. Que já aconteceu de ela ter ao 1 pacote de biscoito pra comer durante o dia e, ao ver um rapaz pedindo comida, deu a única coisa que tinha e ficou sem comer. Ela disse que tinha confundido a idade dos netos (vó é vó, ne?): 1 Menino de 6 anos (calça 27/28) 2 meninas de 11 e 14 anos (uma calça 35 e outra 36). Ela disse também muito emocionada que: – A filha dela tem 42 anos e precisa muito de emprego. Já trabalhou em uma empresa de limpeza urbana mas está sem trabalhar há 3 anos. – A casa dela está sendo construída mas a obra foi interrompida por falta de dinheiro: ela não tem porta, nao terminou o muro, e o rapaz q ela pagou adiantado pra fazer um poço sumiu com o dinheiro. – ela divide uma beliche com as netas, que se revezam entre quem dorme em cima e quem dorme no chão. Ela costuma ir pra praça às quartas, sextas e sábados, das 10-11h às 18h. Quem quiser ir até lá ganhar um beijo, fique à vontade. Ela fez um vídeo agradecendo a todo mundo que está mandando tanta energia boa. A mim, só resta agradecer muito a todos vocês e à vida por mais essa lição. Quem quiser ajudar, vai no nosso destaque e acessa a matéria que fizemos da Dona Divina 🙂

Uma publicação compartilhada por Razões Para Acreditar (@razoesparaacreditar) em

A internet é um ambiente incrível e pode ser usado para o bem! As pessoas tem se mobilizado no Brasil inteiro e fora dele!!! Ela já ganhou pares de tênis, um ano de cesta básica, e muita gente está indo até onde ela fica para lhe dar um beijo, veja algumas fotos:

A internet está ajudando a mudar a vida de uma senhora que vende buchas A internet está ajudando a mudar a vida de uma senhora que vende buchas A internet está ajudando a mudar a vida de uma senhora que vende buchas

Essa história nos lembra o poder da internet para mudar a vida das pessoas, que tenhamos mais e mais histórias como essa!

crédito da foto: Bruna Campos/Facebook/Reprodução – Analice Leite

PUBLICIDADE ANUNCIE


Acessar

Resetar senha

Voltar para
Acessar