Policiais dão cesta básica para família de homem que roubou para alimentar o filho


47550 shares Compartilhar Tweet WhatsApp

Não, bandido bom não é bandido morto! Não é o que pensa um grupo de policiais do Distrito Federal. Os policiais prenderam o jovem Joarles de Souza, de 19 anos, em Ceilândia, após ele ter roubado um celular e R$ 48 de uma mulher.

O rapaz fingiu estar armado na hora do assalto, mas foi preso imediatamente. Ele disse aos policiais que está desempregado há alguns meses e que seu filho, de um ano, estava sem comer deste o dia anterior.

Os policiais foram até a casa de Joarles para saber se a história era verdadeira. Chegando lá, eles encontraram a esposa do rapaz e o bebê. A casa de um cômodo é alugada, e tem apenas uma cama de casal e um fogão.

Joarles diz que perdeu o emprego de vendedor de roupas em abril, já a mulher foi despedida do supermercado onde trabalhava quando descobriu que estava grávida.

5-1-e1465071632332

Comovidos com a história da família, os policiais fizeram uma vaquinha e foram ao mercado comprar arroz, feijão, iogurte, leite, verduras, frutas, biscoitos, macarrão, ovos, sal e óleo de cozinha.

O jovem segue preso, a mulher e o filho se mudaram para a casa de uma amiga. A família do rapaz procura um advogado para tentar soltá-lo. Segundo o juiz responsável pelo caso, “o fato de estar passando por necessidades financeiras não pode ser entendido como salvo conduto para a prática de ilícitos penais. Com sua conduta, o custodiado pode ter privado dos seus bens pessoa tão necessitada – ou mais – do que ele alega estar, o que demonstra a reprovabilidade do seu ato”.

4-2-e1465071657327

3-3-e1465071651506

Foto: Lucas Alexandre Rezende
Foto: Lucas Alexandre Rezende
Foto: Tribunal de Justiça do Distrito Federal
Foto: Tribunal de Justiça do Distrito Federal

Recentemente publicamos um vídeo sobre escrever o futuro, vejam:

Com informações do Hypeness


Comentários no Facebook

Acessar

Resetar senha

Voltar para
Acessar
Escolher um formato
História
Lista