Startup desenvolve “relógio” que socorre idosos que moram sozinhos

Uma startup de São Paulo desenvolveu um produto para oferecer a esses idosos mais conforto e segurança: um botão à prova d’água que pode ser usado como relógio ou colar. Ao ser acionado, ele liga para os familiares ou amigos do idoso do outro lado da linha.


300 shares Compartilhar Tweet WhatsApp

Em 1992, o número de idosos com mais de 60 anos que moravam sozinhos era de 1,17 milhões, segundo o IBGE. Esse número saltou para 3,7 milhões em 2012 e a tendência é só aumentar.

Mas, existem pessoas que não estão preparadas para essa tendência. A dona Otília Mendes, 78 anos, é uma delas. Ela mora sozinha desde que o marido morreu 20 anos atrás:

“Estou sempre em contato com a minha família, mas morar sozinha oferece a liberdade que eu busco para tomar minhas decisões no dia-a-dia sem deixar minha família preocupada.”

Atenta a essa nova realidade, uma startup de São Paulo desenvolveu um produto para oferecer a esses idosos mais conforto e segurança: um botão à prova d’água que pode ser usado como relógio ou colar. Ao ser acionado, ele liga para os familiares ou amigos do idoso do outro lado da linha.

cuidador-digital
cuidador-digital2

Leia também: Com nova tecnologia será possível detectar o câncer até 5 anos de antecedência


Segundo João Victor, fundador do Cuidador Digital, o objetivo é oferecer ajuda imediata em situações de emergência. “O produto não compete com serviços de teleassistência, pois é até 6x mais rápido ao acionar ajuda e possui tecnologia GSM que oferece mais liberdade para o usuário”, afirma.

via [fatoonline]


Comentários no Facebook

Acessar

Resetar senha

Voltar para
Acessar
Escolher um formato
História
Lista