fbpx

Delegada de polícia transexual dá depoimento inspirador sobre respeito e aceitação


PUBLICIDADE ANUNCIE

Através de um vídeo feito pelo Ministério dos Direitos Humanos, Laura, uma delegada de polícia transexual conta sua história e afirma que merece estar onde está hoje. Ela diz que sempre se viu como uma mulher transexual, desde que era criança e que por volta dos 3o decidiu fazer a operação de redesignação sexual.

Ela diz que apesar da polícia enquanto instituição ser considerada extremamente machista, ela se sente acolhida e respeitada e que as pessoas só deveriam ter o direito de julgar o trabalho dos outros e mais nada, pois é só isso que importa no ambiente corporativo.

Laura vive e trabalha em Goiás e neste vídeo ela conta um pouco de sua trajetória e afirma como é importante que as pessoas respeitem as diferenças e que aprendam a conviver com elas. Ela trabalha como delegada de polícia há 7 anos e que o fato de ela ser delegada, ajudou ela a fazer sua transição de maneira mais elaborada, sempre preservando a instituição que ela trabalha.

Ela, inclusive afirma que sempre teve muita receptividade com seus colegas de profissão e que os preconceitos que ela sofreu no começo, até mesmo exercendo sua profissão, sempre foram superados com muita tranquilidade. Se você quiser assistir o vídeo inteiro é só clicar aqui.

PUBLICIDADE ANUNCIE

Com informações de Yahoo

Fotos: reprodução vídeo Yahoo

PUBLICIDADE ANUNCIE

PUBLICIDADE ANUNCIE

Comentários no Facebook

Acessar

Resetar senha

Voltar para
Acessar