Evento reunirá em São Paulo ativistas, pesquisadores, empresários e artistas LGBT+ para apresentarem suas ações e histórias

A rapper Luana Hansen, Alex Silva (do Google), David Sabbag (Banda Uó) são alguns dos nomes confirmados


0 shares Compartilhar Tweet WhatsApp

Quinze palestrantes, entre jovens empreendedores, empreendedores sociais, empresários de grandes corporações, escritores e artistas irão compartilhar suas ideias e ações em um dia que pretende ser de inspiração e de transformações para o público LGBT+.

Acontecerá em São Paulo, no dia 5 de agosto, a primeira edição do “TODXS Conecta – Quebrando a Invisibilidade”, um evento organizado pela startup social sem fins lucrativos TODXS e que deve reunir mais de 250 pessoas no Diamond Tower, na sede da empresa Dow.

O evento foi desenhado para ser um momento de troca de conhecimento, ideias e experiências de pessoas LGBT+ (lésbicas, gays, bissexuais, trans, entre outros) e suas histórias pessoais e profissionais. “Imagine reunir em um mesmo espaço um publicitário do Google para falar sobre a importância de assumir sua sexualidade no âmbito empresarial, a Márcia Rocha, que conseguiu colocar seu nome social na carteira da OAB, e jovens LGBTs que estejam começando suas carreiras ou passando por situações difíceis em relação a sua sexualidade ou identidade de gênero. Será sem dúvida inspirador, é como encontrar um lugar na sociedade”, afirma Mayah de Borba Cruz, coordenadora de projetos da TODXS.

O evento terá início às 9h30 e sua programação será dividida em palestras individuais e painéis de debate. As palestras são baseadas no modelo TED e terão 18 minutos cada. Entre os palestrantes estão João Bevilacqua, líder regional do [email protected], grupo de diversidade do LinkedIn; Davi Sabbag, da banda Uó; Evorah Cardoso, do Coletivo #VoteLGBT; e a rapper Luana Hansen.

Davi Sabbag, da banda Uó
A rapper Luana Hansen
Evorah Cardoso, do Coletivo #VoteLGBT

No final da manhã, a programação se encerra com o painel LGBT Business.

O tema do painel é “Quebrando a invisibilidade no mundo corporativo: por que sair do armário é melhor para os negócios?” e terá como palestrantes Alex Silva, publicitário, atual coordenador do grupo de afinidade LGBT do Google Brasil e voluntário do LGBT Tech; Tlacaelel Benavides, gerente de marketing da Dow para América Latina e responsável pela implementação do grupo de afinidade LGBT na empresa; e Luiz Felipe, sócio do escritório de advocacia Mattos Filho, empresa que busca fomentar um ambiente inclusivo para pessoas LGBT+.

Alex Silva, publicitário e o atual coordenador do grupo de afinidade LGBT do Google Brasil

O evento se encerrará às 18h com o painel “Vida trans: como vencer a barreira da invisibilidade?”. Debatendo o assunto estarão juntos Amara Moira, Edith Modesto e Márcia Rocha. Amara é travesti, doutoranda em teoria literária pela UNICAMP e trabalhadora sexual. Além disso, é colunista do Mídia Ninja, escritora e exemplo de luta na causa LGBT+ brasileira. Amara é autora do “E se eu fosse puta” e do “Vidas Trans – A coragem de Existir”, livro que escreveu junto a João Nery, Márcia Rocha e T. Brant. O livro estará sendo vendido no local e após o painel haverá uma sessão de autógrafos com os escritores.

Edith Modesto é terapeuta especialista em diversidade sexual e questões de gênero. Ela foi responsável, em 1997, pela criação do Grupo de Pais de Homossexuais, primeira ONG brasileira voltada para famílias de pessoas LGBT+. Márcia é integrante do Comitê de Direitos Sexuais da World Associations for Sexual Health e co-criadora do site Transempregos. Foi a primeira advogada a conseguir o uso do nome social na OAB. Também autora de “Vidas Trans”.

A terapeuta Edith Modesto

“Nossa programação está muito rica e diversa. Fizemos questão de convidar pessoas mais conhecidas pela comunidade LGBT+ e outras nem tanto, para que possam compartilhar suas histórias e ações. Enxergamos esse encontro, essa união e os debates como fonte de inspiração extremamente necessários para nos fortalecermos, quebrarmos a invisibilidade e buscarmos caminhos para construir um país verdadeiramente inclusivo”, afirma Mayah.

A programação completa do TODXS Conecta está no site: www.todxs.org/conecta. O evento conta com o patrocínio da Dow, do LinkedIn, do escritório de advocacia Mattos Filho e da MCW. A Dow e a Mattos Filho fazem parte do Fórum de Empresas e Direitos LGBT, organização que reúne grandes empresas em torno do compromisso com o respeito e a promoção dos direitos humanos de pessoas LGBTs. O TODXS Conecta ainda conta com o apoio do Sympla, Casa 1, Beco e Ezatamentchy.

Ingressos à venda

O primeiro lote dos ingressos está à venda pela plataforma Sympla, no valor de R$ 50,00. Estudantes, professores, pessoas com deficiência e idosos pagam meia entrada e aqueles que quiserem ajudar a Casa 1, local de acolhimento de jovens LGBT+ em situação de risco, podem doar um pacote de papel higiênico e têm direito a pagar metade do valor do ingresso também.

Como alternativa, serão disponibilizados tickets no valor de um pacote de papel higiênico no local do evento para quem comprou o ingresso promocional da Casa 1, mas não pode levar o material.

O quê: TODXS Conecta

Quando: 05/08, das 9h30 às 19h

Onde: Diamond Tower (Av. das Nações Unidas, 14171 – Vila Almeida – São Paulo)

Ingressos: http://bit.ly/2t4rpZ2

Informações: [email protected]

Site: www.todxs.org/conecta

Fotos: Divulgação


Comentários no Facebook

Acessar

Resetar senha

Voltar para
Acessar
Escolher um formato
História
Lista