13 Reasons Why, da Netflix, faz disparar pedidos de ajuda contra suicídio no Brasil

Após a estreia da série, o Centro de Valorização da Vida (CVV) percebeu um aumento de 445% no número de e-mails com pedidos de ajuda.


13 reasons why
3669 shares Compartilhar Tweet

A série 13 Reasons Why, da Netflix, aborda um tema tabu na sociedade: o suicídio. A história conta o drama vivido pela adolescente Hannah Beker, que sofre bullying na escola e grava em 13 fitas cassetes os treze motivos que a levariam ao suicídio.

Após a estreia da série, no dia 31 de março, o Centro de Valorização da Vida (CVV) percebeu um aumento de 445% no número de e-mails com pedidos de ajuda. Também houve alta de 170% na média de visitantes únicos no site. A maioria das pessoas que pedem ajuda é formada por jovens que se identificam com a personagem principal da série.

O CVV atua desde 1962 na prevenção do suicídio com a ajuda de 2 mil voluntários em 18 estados e no Distrito Federal. A entidade dá apoio 24 horas por e-mail, chat, Skype e telefone. Robert Pires, presidente do CVV e voluntário há 23 anos, afirma que os jovens citam a série quando buscam ajuda da entidade.

13 reasons why

“Então, na conversa que temos com essa pessoa, podemos trafegar livremente pelo personagem e por ela. Às vezes, dessa maneira, a pessoa fica mais à vontade para desabafar”, disse Pires ao Estadão.

Ele orienta que os pais devem observar as mudanças de comportamento dos adolescentes e estarem abertos ao diálogo.  “Pergunte: ‘O que está se passando com você? Posso ajudá-lo? Vamos conversar?’. Às vezes, essas perguntas são mágicas.”

A ajuda profissional é indicada em casos de mudança radical no comportamento do jovem. “Não pode ter aquele tabu de que ajuda profissional é ‘coisa para louco’, aquelas coisas que se dizem popularmente. Esta é a maior barreira à causa de prevenção do suicídio. O assunto tem de ser tratado com naturalidade. Falar é terapêutico”, conclui Pires.

Leia também:

Camareira em hotel de SP deixa bilhete de boas-vindas mais afetuoso que você já viu

Lealdade: Labrador de menino autista não sai de perto dele nem no hospital

Caixas do Sul (RS) instala ponto de ônibus com teto verde que produz energia solar

Fotos: Netflix


Comentários no Facebook

Acessar

Resetar senha

Voltar para
Acessar
Escolher um formato
História
Lista