5 atividades para diminuir sua ansiedade (e você pode fazer em casa)


5 atividades para diminuir a ansiedade
773 shares Compartilhar Tweet WhatsApp

A ansiedade é uma reação normal e inerente ao ser humano. Diante de situações como uma entrevista de emprego, na iminência de uma festa ou viagem ou quando estamos aguardando o resultado de um concurso, por exemplo, é normal que fiquemos ansiosos. Nessas circunstâncias, a ansiedade se manifesta como uma espécie de alerta que nos prepara para um novo desafio e favorece a adaptação diante das mudanças.

Quando a sensação de ansiedade torna-se parte da rotina e a sensação deixa de ser uma emoção e passa a ser um transtorno, é preciso se cuidar. Pessoas que têm preocupação excessiva, dificuldades para dormir, pânico ou medo com frequência devem investigar o problema.

Listamos cinco atividades que você pode fazer em casa para reduzir a ansiedade. Confira:

1 – Ouvir música

A utilização da música para relaxar e até como suporte em terapias vem crescendo e já tem eficácia comprovada. No dia a dia, a música é capaz de diminuir o estresse  e a
ansiedade. Uma pesquisa realizada por neurocientistas do Reino Unido mostrou que, quando os participantes foram expostos a determinadas músicas, o nível de atividade do cérebro, assim como as batidas do coração, pressão sanguínea e respiração, baixaram consideravelmente. Ouça a playlist criada só com músicas para relaxar e diminuir a ansiedade

2 – Instalar alguns aplicativos no seu celular

Podemos colocar a tecnologia a nosso favor e usar até mesmo nosso celular como um aliado no combate à ansiedade. Já existem alguns aplicativos desenvolvidos especialmente para nos ajudar a diminuir os níveis de ansiedade. Desenvolvido por pesquisadores da Universidade do Leste de Londres, o
Self-Help Anxiety Management (SAM) ajuda os usuários a mapear as crises de ansiedade. Com o SAM, é possível marcar os sintomas e fazer exercícios para controlar a respiração. Disponível em inglês na Apple Store e no Google Play. Confira outros três apps aqui.

3 – Adotar o Mindfulness, método da atenção plena

O mindfulness, ou método da atenção plena, é definido como prestar atenção de um jeito específico: focando no momento presente e sem julgamento.
Claudia Comaru, psicóloga no Zenklub e facilitadora de mindfulness, sugere algumas atividades simples para aplicar a prática no dia a dia: “Proponho então algumas práticas, sugestões para desenvolver mais presença na vida. Uma consiste em estar atento às atividades diárias como escovar os dentes, tomar banho e comer. No banho, por exemplo, perceba a sensação da água em contato com a pele, do corpo sendo encharcado aos poucos, do membro que ensaboa primeiro, dos movimentos que realiza durante toda a atividade. Cada banho será um momento único, pode acreditar. Do mesmo modo, estenda a atenção para como você se alimenta, como escova os dentes”, explica ela.

3 – Meditar

Muitas pessoas vêm adotando a prática da meditação como um hábito saudável e comprovadamente poderoso no combate ao estresse e à ansiedade.
Nossa mente está acostumada a sempre controlar tudo e se sente desconfortável ao menor sinal de freio”, diz a psicóloga do Zenklub Marjorie Carvalho. A psicóloga listou cinco dicas para quem quer começar a praticar a meditação. Confira aqui.

4 – Fazer terapia

Antes que você questione se essa não era uma lista de coisas que você podia fazer em casa, a gente explica: hoje, é possível se consultar com um psicólogo online, sem precisar sair de casa. Isso evita que nos apeguemos a algumas crenças limitantes como “é muito longe de casa”, “não tenho tempo” ou “vou me irritar só de ter que enfrentar o trânsito”. O Zenklub é uma plataforma que já conta com mais de 80 profissionais online e tem ajudado muitas pessoas a lidar com problemas do dia a dia.


Comentários no Facebook

Acessar

Resetar senha

Voltar para
Acessar
Escolher um formato
História
Lista