Jovem que venceu transtornos alimentares ajuda outras pessoas a se recuperarem

Após se recuperar, ela criou o blog Despedida de Ana e Mia, para ajudar outras pessoas que estão passando pelos mesmos problemas que ela enfrentou no passado. Em dezembro de 2015, ela também criou um canal no YouTube, o De Bem Comigo, para falar sobre transtornos alimentares como forma de alerta, e abordar a questão da autoestima.


81 shares Compartilhar Tweet WhatsApp

A jornalista Fernanda Fahel, hoje com 23 anos, desenvolveu transtornos alimentares aos 12. Ela conviveu com a anorexia, a bulimia e também a compulsão durante sete longos anos.

Quando chegou ao seu peso mais baixo (42kg), Fernanda precisou ser internada. Foi quando ela começou a ter consciência sobre o que estava acontecendo.

“Fiquei tão doente que meus cabelos começaram a cair, minhas unhas não cresciam mais, tinha hipotermia, desenvolvi a anemia e a hipoglicemia, além de ter amenorreia (quando a menstruação é interrompida) e de sentir meu coração bater mais fraco. Fiquei à beira da morte”, conta.

Após se recuperar, ela criou o blog Despedida de Ana e Mia, para ajudar outras pessoas que estão passando pelos mesmos problemas que ela enfrentou no passado.

Em dezembro de 2015, ela também criou um canal no YouTube, o De Bem Comigo, para falar sobre transtornos alimentares como forma de alerta, e abordar a questão da autoestima.

Assista aos vídeos:


Comentários no Facebook

Acessar

Resetar senha

Voltar para
Acessar
Escolher um formato
História
Lista