Médico atende gratuitamente pessoas carentes em sua clínica particular


193104 shares Compartilhar Tweet WhatsApp

Sempre mostramos e incentivamos aqui o uso do seu talento para fazer o bem e tornar o mundo melhor.

É exatamente o que o médico cordeirense Orlando Garcia, formado pela Universidade Estácio de Sá, faz. Ele esolveu abrir uma hora gratuita de atendimento médico em sua clínica particular.

Há 12 anos atuando como médico da família e comunidade, ele atende na Unidade Básica de Saúde do bairro São Luís em Cordeiro e na Unidade Básica de Saúde do bairro Barreira em Macuco.

“Pode parecer pouco, mas se todos os médicos do município fizessem o mesmo em seus consultórios particulares, muita gente carente seria prioritariamente atendida e o nosso Hospital Antônio Castro não estaria com a recepção lotada para casos de menor complexidade”, segundo o médico em entrevista para Iago Guimarães Couto.

“É preciso um pouco de caridade e humanidade em meio a tanta ganância que observamos por aí. Procuro sempre executar o mesmo tipo de atendimento tanto na rede pública quanto em meu consultório particular”, explica o médico.

No dia 15 de junho, Jo Ramos, fez um post de agradecimento na Facebook para agradecer o doutor Orlando por ter atendido sua nora sabendo que a mesma não poderia pagar.

“Ele nos tratou muito bem, e as secretárias igualmente, muito atenciosas e carinhosas. Obrigado Dr. Orlando, que Deus abençoe o senhor sempre, que Jesus ilumine o seu caminho por onde passar, pois o senhor é um iluminado por ajudar quem mais necessita”, escreveu Jo.

 

11694277_10203409031745604_1266506247_n

O gesto teve grande repercussão na internet e centenas de comentários positivos e de incentivo foram feitos.

A clínica está localizada na Rua Abel Ventura Ribeiro de Moraes, nº 396 – Centro, Cordeiro. Fica aberta de segunda à sexta-feira, das 9h às 18h, atendendo também pelo telefone (22) 2551-0231.

 

 

 

 

 

11693003_10203409146708478_1368570402_n

Fonte: Iago Guimarães Couto


Acessar

Resetar senha

Voltar para
Acessar