Menina que nasceu sem as mãos ganha concurso de caligrafia


A pequena Anaya Ellick, de apenas sete anos, que nasceu sem as mãos, venceu com todos os méritos uma competição de caligrafia, nos Estados Unidos.

E, um detalhe importante, ela não usou próteses para escrever – o lápis ficou apoiado entre os seus braços!

20160510172401maN0bqUSig

Tracy Cox, diretora do colégio onde Anaya estuda, em Chesapeake, na Virgínia, disse que a história é “inspiradora”. “Ela não deixa que nada atrapalhe seus objetivos. Anaya é uma menina perseverante e tem a melhor caligrafia da classe”.

Ela competiu com outros 50 alunos na categoria “necessidades especiais”, do National Handwriting Contest (“Concurso Nacional de Caligrafia”, em tradução livre). Cada vencedor embolsou um prêmio de US$ 1 mil, cerca de R$ 3,5 mil.

20160510172424NNP3nvi7vu

Parabéns, Anaya!!!

Via


Acessar

Resetar senha

Voltar para
Acessar