Google é a empresa que mais comprou em energia renovável no mundo

A gigante da informática investiu 3,5 bilhões de dólares em fontes de energia gerada de maneira renovável.


32 shares Compartilhar Tweet WhatsApp

Em dezembro de 2016, o Google anunciou que 100% da energia elétrica dos seus centros de dados e escritórios viria de fontes de energia gerada de maneira renovável.

Um ano depois, a gigante da informática cumpriu seu objetivo, depois de firmar contratos com três usinas eólicas que produzem um total de 535 megawatts.

O Google é a empresa que mais comprou energia renovável no mundo, acumulando pouco mais de 3.0 GW – o investimento foi de 3,5 bilhões de dólares.

Gráfico de empresas que compraram energias renováveis

Em um comunicado feito através do seu blog, o Google enfatizou que seus projetos de energia renovável estão beneficiando comunidades locais com a geração de empregos, “da Região do Atacama no Chile até às cidades da Suécia”.

“Hoje, somos o maior comprador corporativo de energia renovável, com compromissos que alcançam 2.6 gigawatts (2.600 megawatts) de energia eólica e solar.”

A decisão traz vantagens econômicas para a empresa do Vale do Silício, afinal, os investimentos foram motivados pela diminuição do custo de fontes de energia limpas.

“Estamos convencidos de que isso é bom para os negócios, não se trata de greenwashing. Trata-se de fixar preços para nós a longo prazo. Cada vez mais, a energia renovável é a opção de menor custo”, explicou Marc Oman, responsável pela energia da União Europeia (UE) no Google.

“Nossos fundadores estão convencidos de que a mudança climática é uma ameaça real e imediata, por isso devemos fazer nossa parte.”

fotos: Google


Acessar

Resetar senha

Voltar para
Acessar