Jovens do Ceará usam caixas de leites para reduzir temperaturas nas casas e economizar energia

As caixinhas refletem os raios solares ajudando a diminuir a temperatura do local


Uma dupla de estudantes do Instituto Federal do Ceará (IFCE), localizado em Aracati, a 150 quilômetros de Fortaleza, têm uma dica valiosa para reduzirmos a temperatura dos ambientes nesse verão: transformar caixas de leites que iriam para o lixo em pequenos isolantes térmicos.

A ideia foi dos irmãos gêmeos Diego e Gabriellen de Vasconcelos, que estavam incomodados com os desconforto causado pelas altas temperaturas do sertão cearense. Além de “refrescar” o ambiente, a invenção ajuda a economizar energia.

Funciona assim: as mantas das embalagens são colocadas sob as telhas das casas e entre seus caibros e ripas. Dessa forma, os raios solares são refletidos ajudando a diminuir a temperatura do local.

whatsapp-image-2016-11-22-at-09-38-51-747x560

“Há várias maneiras de resfriar um ambiente, mas em Aracati a população não tem uma renda muito alta”, explicou o professor orientador dos estudantes, Antônio Sabino, que também destacou que a ideia foi bem recebida pela população. “Tivemos uma ótima aceitação na campanha de arrecadação dos materiais”, comemora.

caixasss

Cerca de 16 caixinhas são suficientes para produzir um metro quadrado de manta isolante. Segundo um estudo de pesquisadores da Unicamp (Universidade de Campinas), esse tipo de experimento pode diminuir a temperatura de um ambiente em até oito graus. É uma dica e tanto para amenizar o calor nesse verão, né?!

Veja também: Metrô na França gera energia limpa com passos dos passageiros

Com informações do Web Rádio Água / Fotos: Arquivo Pessoal

Comentários no Facebook

Acessar

Não tem uma conta?
REGISTRAR

Resetar senha

Voltar para
Acessar

REGISTRAR

Logar

Voltar para
Acessar
Escolher um formato
História
Lista