fbpx

Samsung cria app para ensinar violão a deficientes visuais


samsung audio acordes
PUBLICIDADE ANUNCIE

O Brasil mais de 6,5 milhões de pessoas com deficiência visual, sendo 582 mil com cegueira e seis milhões com baixa visão, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). É pensando nesse público que a Samsung deu início a sua mais nova empreitada: um app gratuito para ensinar violão a pessoas cegas.

Batizada de Samsung Áudio Acordes, a ferramenta inovadora e inédita no Brasil utiliza um sistema de voz para dar aulas de música, expandindo métodos de aprendizado que não necessariamente usam cifras em Braille, conhecida por apenas 10% da população. “O grande problema é que nenhum curso convencional está adaptado para pessoas com deficiência visual. A proposta dessa iniciativa é dar aulas em áudio, de forma detalhada, para que haja motivação em aprender”, explicou Laércio Sant’anna, analista de sistemas formado em música erudita e colaborador do aplicativo.

Até o final de setembro o app vai oferecer 30 músicas de diferentes estilos e complexidades. A medida em que a música escolhida vai tocando, um comando de áudio avisa as notas da partitura na sequência, facilitando a compreensão e fluidez. “Mais do que ensinar violão, o projeto permite a sociabilização, a integração com as pessoas”, finalizou o músico.

A cantora lírica e pianista Giovanna Maira também relatou a sua experiência com a nova ferramenta. “Comecei a tocar piano com três anos de idade e precisei muito dos olhinhos alheios para me ajudar. É muito inconveniente aprender dessa forma. O app realmente transformou esse obstáculo em diversão”.

samsung audio acordes

Disponível na Play Store para smartphones e tablets da Samsung com Android a partir da versão 4.4  e também via site para todos os notebooks, computadores, tablets e smartphones, o aplicativo é 100% acessível para pessoas com diferentes níveis de deficiência visual e oferece aos iniciantes um áudio dicionário que ensina a tocar os acordes. Além disso, por meio da plataforma, é possível salvar as músicas favoritas e compartilhá-las com os amigos por meio das redes sociais. Em breve, os usuários também poderão acessar áudio aulas, que ensinam a tocar violão desde o nível básico.

PUBLICIDADE ANUNCIE

samsung audio acordes

Para expandir o número de instrumentos, a empresa ainda precisa estudar como vai ser a experiência do usuário. Segundo Andréa Mello, Diretora de Marketing Corporativo e de Consumer Electronics da Samsung Brasil, a marca já possui reconhecimento por seu engajamento com a acessibilidade, que inclui ainda outras ações como o Hand Talk, que traduz o conteúdo do website em Libras, vídeos tutoriais no Youtube sobre os recursos dos aparelhos e uma página que detalha a acessibilidade de cada aparelho. “Temos lançado várias iniciativas para ajudar cegos e surdos por meio da tecnologia. Isso ainda é muito pouco, há bastante coisa para fazer pela frente. Mas estamos bem satisfeitos de seguir esse caminho”, declarou.

O projeto é parte do Samsung Social, braço filantrópico da empresa, que atua junto a instituições como Instituto Gabriel Medina (que o Razões conheceu ano passado), o Instituto Vanderlei Cordeiro de Lima e a Fundação Gol de Letra. Alfabetização e igualdade de gênero também estão entre as ações sociais da marca. Em setembro será lançada uma websérie de ficção chamada Re-Conectados, que vai propor uma reflexão sobre o vício em tecnologia. Assista o vídeo:

Aqui no Razões já fizemos um projeto muito especial, para a Vult, onde mostramos pessoas com deficiência visual ensinando mulheres não-cegas a se maquiarem sem o espelho, relembrem:

Fotos: divulgação

PUBLICIDADE ANUNCIE

PUBLICIDADE ANUNCIE

Acessar

Resetar senha

Voltar para
Acessar