Após 24 anos de buscas família encontra filha desaparecida, na China


China
652 shares Compartilhar Tweet WhatsApp

É praticamente impossível imaginar o desespero para os pais quando perdem os seus filhos e foi isso o que aconteceu com o casal, Wang Mingqing e Liu Dengying, na China. Em 1994 – há 24 anos, sua filha Qifeng, de 3 anos desapareceu e o que aconteceu depois foram inúmeras tentativas de reencontrá-la, todas em vão até então, mas eles nunca perderam a esperança e inspiraram o mundo inteiro com uma história que teve final feliz.

Tudo começou quando eles ainda eram vendedores de frutas na beira de uma estrada, na cidade de Chengdu e um dia acabaram ficando sem troco, tiveram que sair para resolver o problema e quando voltaram a garotinha já não estava mais lá. Depois disso, anos se passaram e eles tentaram de tudo: contataram a polícia, distribuíram cartazes com informações sobre a filha desaparecida e fizeram buscas em orfanatos e hospitais.

Quando não a encontraram na cidade em que viviam, passaram anos viajando para regiões próximas a tentativa de encontrar a pequena. Fizeram a escolha de nunca sair da cidade em que viviam, pois achavam que um dia ela poderia voltar. 21 anos depois do desaparecimento, Wang teve uma outra ideia e decidiu se tornar taxista, na esperança de um dia fazer uma corrida para sua filha. Também aproveitava para colar cartazes e distribuir cartões para os passageiros.

Para dificultar ainda mais as buscas, eles não tinham nenhuma foto da menina, então acabaram usando uma da irmã, que era bem parecida. Tamanho esforço acabou chamando a atenção da mídia local e o casal foi em alguns programas de TV e deram algumas entrevistas. Wang sempre dizia a mesma coisa:Um dia, minha filha pode ser justamente a pessoa sentada no meu carro”.

Os anos foram passando e a polícia várias vezes chegou a acreditar ter encontrado Qifeng, mas os testes de DNA sempre davam negativo. Até que um dia um especialista em retratos falados ficou sabendo da história, se comoveu e decidiu que iria ajudar a família. Após conversar com os pais, criaram o que poderia ser a imagem da filha deles adulta e a imagem começou a circular pela Internet.

Foi quando uma mulher que vivia do outro lado do país, chamada Kang Ying, viu a foto e ficou impressionada com a semelhança. Ela foi criada por pais adotivos em uma cidade a cerca de 20 km de Chengdu – onde a família diz ter encontrado, em uma estrada, a criança. No início deste ano, Kang entrou em contato com Wang e os testes comprovaram que ela era a filha que ele tanto procurava. Ela já não chamava mais Qifeng, mas isso era o que menos importava.

Hoje, ela é casada e tem um casal de filhos e nesta semana a família foi encontrar os pais ansiosos que esperaram 24 anos por este momento. A felicidade do pai foi tanta que ele comemorou nas redes sociais: “Meus esforços de 24 anos não foram em vão! Minha filha foi encontrada. Obrigado a todos”.

A história ficou famosa na China e eles foram entrevistados por diversos jornais locais. “Não consigo expressar em palavras quanta esperança, decepção e desespero passamos nestes últimos 24 anos”, disse Wang ao jornal local Beijing Youth Daily.

A jovem disse aos jornalistas, emocionada: “O mundo inteiro me disse que eu não tinha uma mãe. Mas eu tenho”. A história provavelmente irá se desdobrar ainda, pois ainda existem várias perguntas não respondidas, como a motivação dos pais adotivos por adotar uma garota que claramente tinha uma família, se eles chegaram a entrar em contato com a polícia ou não, entre outras. Mas o que importa é que o desespero destes pais acabou e que agora eles poderão dar um novo significado para suas vidas.

Com informações de Só Notícia Boa

Fotos: TheCover.CN


Acessar

Resetar senha

Voltar para
Acessar