A amizade comovente de uma menina autista de 5 anos com seu gato de terapia

30
82122

Thuja, é uma gata que tem quase 1 ano de idade da raça Maine Coon. Esta raça é conhecida como a mais inteligente e gentil gigante do mundo dos gatos e embora ela seja ainda pequena e jovem, Thula não decepciona. Seu caráter suave e compassivo é especialmente importante para Iris, uma jovem garota que com autismo.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Thuja baixou ansiedades diárias de Íris e a mantém calma, mas igualmente tem o efeito de encorajá-la a ser mais social. 

Carter-Johnson, a mãe de Iris, tinha quase desistido na busca de um companheiro animal terapêutico para sua filha. Quando a menina se deu bem com um gato siberiano que sua família estava cuidando no Natal, no entanto, ela percebeu que ela “só não tinha encontrado o animal certo ainda”.

amizade-gato-terapia-1 amizade-gato-terapia-2 amizade-gato-terapia-3

“Qualquer atividade que estamos fazendo, Thuja está lá e quer se envolver” Arabella Carter-Johnson 

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

amizade-gato-terapia-4

“Iris passou por um estágio no último ano de odiar banhos e lavar o cabelo. Thuja foi ficando na banheira com Iris e até me deixar colocar xampu nela também para ajudar a Iris.”

amizade-gato-terapia-5

“Iris está mais ativa de manhã agora. Antes de Thuja, sempre foi difícil conseguir que ela ficasse mais depserta. Ela está mais fácil de se engajar em atividades e houve mudanças em nossos passeios de bicicleta.”

amizade-gato-terapia-6 amizade-gato-terapia-7

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Não fui aconselhada para ter um animal de terapia, mas quando você pesquisa o autismo, existem histórias que surgem de tempos em tempos, sobre os efeitos maravilhosos que animais podem ter em uma criança com autismo”. 

amizade-gato-terapia-9 amizade-gato-terapia-10

“Levamos Iris para Equoterapia, mas ela não pareceu muito interessada em cavalos naquela época. Então comecei a pensar sobre um cão de terapia.  

amizade-gato-terapia-11 amizade-gato-terapia-12

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Iris e o cão não se davam bem, Iris odiava ser lambida e não gostava também do rabo abanando, a hiperatividade do cão iria magoá-la. Então, por um tempo eu desisti da idéia.”

amizade-gato-terapia-13 amizade-gato-terapia-14

“Então eu pensei sobre um gato de terapia depois de ler mais histórias sobre como eles ajudaram as crianças com autismo, mas novamente Iris não teve interesse e o gato pareceu não gostar dela também.” 

amizade-gato-terapia-15 amizade-gato-terapia-16

“A essa altura eu estava ficando cheia da ideias. Eu não podia continuar tentando diferentes animais, não foi justo com nenhum e não estava ajudando Iris”.

amizade-gato-terapia-18

“Então a namorada do meu irmão precisava de um lugar para o seu gato durante as férias de Natal e nos oferecemos para cuidar dela enquanto eles estavam viajando. Ela era uma linda siberiana e Iris imediatamente se conectou com ela.”

amizade-gato-terapia-20

“Foi então que eu percebi que eu apenas não tinha encontrado o animal certo ainda. Então, levou-nos muito tempo e muita tentativa e erro, experimentando diferentes opções, mas chegamos lá no final.”

amizade-gato-terapia-21 amizade-gato-terapia-22

“Thuja não é um gato de serviço/terapia treinado, mas fiz algumas coisas. Eu fiz ela se acostumar a usar coleira quando ela era pequena e andava com ela no carro e na bicicleta.”

amizade-gato-terapia-23

“A coleira tem um propósito muito importante. Thuja sai de bicicleta com a gente. Ela normalmente não quer pular para fora, mas é uma medida de segurança, no caso de algo assustá-la, como o trânsito. Ela também vai passear e a coleira é mais confortável e mais segura.”

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

30 COMENTÁRIOS

  1. Chorei ao ler a matéria.. Obrigada por compartilhar um pouquinho da sua vida e da linda história da Íris! Nos fortalece e nos prova de que não estamos nessa sozinhos! Bjs para vcs!

  2. A história é linda, mas está muito mal-escrita, como uma tradução mal feita. Acho que está faltando revisão.

        • Pelo amor de Deus, isso não é uma aula de Português e nem um concurso de redação. Porque não focar apenas na linda história? O objetivo aqui é ajudar outros pais.

      • Prezado Vicente,
        Divulgar um fato desses é de uma beleza sem igual.
        O que vale, nesse caso, é o grande significado do relato para papais e mamães de crianças autistas.
        Obrigada pela linda matéria.

    • Prezada Ana Paula,
      Entendo o seu comprometimento com a Língua Portuguesa, mas peço que a sua eficiência em notar o erro, lingisticamente falando, também seja no que diz respeito à sua gentileza em ressaltar o errado.
      Pois até para criticarmos precisamos ser gentis.
      Cordialmente.

  3. Bom dia =) Linda história, gostaria de maiores informações sobre crianças autistas e terapia com animais. Desde já agradeço

  4. Muito interessante . Realmente os gatos são animais sossegados.Fico feliz que tenham se dado bem.

  5. Gatos são realmente maravilhosos se você for sincero e realmente se conectar com eles, sem precisar de palavras ou de exageros, com energia vinda do coração. Eles aprendem muitas coisas com você e você também aprende muito com eles, mas respeito mútuo, boas energias e amizade sincera são requisitos indispensáveis para se conviver com gatos. Amo meus gatos!

  6. Tenho um filho autista e optei pelo gato, justamente por ser mais tranquilo, pois tiive um cachorro e ele era muito agitado e deixava o meu filho agitado também.
    Peguei o gato que mais pareceu dócil, com 4 meses. No começo foi difícil, eu tinha que sair toda hora atrás deles pro meu filho não enforcar o gato… porque ele queria apertar o gato o tempo todo.
    Mas com o tempo eles foram se acostumando um com o outro de um jeito que o gato brinca com o meu filho e só dorme no pé dele.
    Ajudou muito o meu filho a se acalmar, dialogar e brincar.

    • Mary, muito bonita e emocionante a sua história. Agradeço por compartilhar. E meu profundo respeito por ti, devido ao seu amor e atenção pelo seu filho. Desejo-lhes muitas Alegrias e Sucesso! Abraço.

      • Olá Mary, sou estudante de psicologia e estou fazendo um projeto p/a faculdade sobre Terapia Assistida por animais que tem muito a ver com seu depoimento. Gostaria de usar seu depoimento do comentário ou qualquer outro que você esteja disposta a dar p/incluir no produto deste meu projeto, onde será feito um video, um site e um artigo para informar sobre os benefícios da terapia com animais, aguardo sua resposta pelo meu email: [email protected]

  7. Que lindo *-*
    Interessante a gatinha tomar banho com a menina.
    Minha gata tem pavor de água, assim como boa parte dos gatos kkk

  8. maravilhosa a gata e acriança, chorei muito pois tenho o theo meu gato que amo muitooo adorei estão de parabéns.
    Betania lira

  9. Meu filho é portador de epilepsia e depois da primeira crise epileptica, ele teve mudanças muito bruscas de comportamento ao ponto de eu já não conseguir mais reconhecê-lo. Resolvemos adotar um gato de rua, depois dois, três, quatro e cinco. Onde 3 dos gatos são portadores de Aids Felina ( FIV). E a mudança do meu filho veio gradualmente, a cada dia que ele ajudava a amamentar uns dos filhotes na mamadeira, a cada brincadeira, a cada troca de carinho e hj eu digo com muito convicção, que estes 5 gatinhos trouxeram o meu filho carinhoso, alegre, amigo de volta! Já tinha lido a história desta garotinha e seu gato! Só tenho a dizer, que esses anjos de patas, são a melhor terapia que uma criança pode receber!

    • Oi Eliana! Obrigado por compartilhar sua história conosco! Você tem fotos de seu filho com os gatos? Adoraria contar a história de vocês! 🙂

    • Olá Eliana, sou estudante de psicologia e estou fazendo um projeto p/a faculdade sobre Terapia Assistida por animais que tem muito a ver com seu depoimento. Gostaria de usar seu depoimento do comentário ou qualquer outro que você esteja disposta a dar p/incluir no produto deste meu projeto, onde será feito um video, um site e um artigo para informar sobre os benefícios da terapia com animais, aguardo sua resposta pelo meu email: [email protected]

  10. Linda matéria . Fiquei muito emocionada. Não tenho gato , minha vizinha tem , o marley e é impressionante como ele é carinhoso com sua dona….. eu tenho cachorro e ele é meu companheiro e filhão….só não tenho gatos pois ele é ciumento srrsrss mas amo gatos…..a cada dia as pessoas estão se dedicando mais a estes anjos de 4 patas……não tem amor igual e ao deles….

Comments are closed.