A música como ferramenta de inclusão social de deficientes é tema de exposição em SP

A expo “SOBRE TOCAR”, em cartaz no Armazém Piola, na Vila Madalena, desde o dia 28 de outubro, reúne imagens feitas pela fotógrafa Ilana Bar de alunos do projeto Alma de Batera.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A iniciativa oferece aulas de bateria para pessoas com deficiência e torna o contato com o instrumento mais acessível.

“O Alma de Batera nasce em 2008 com a ideia de incentivar, por meio da música o potencial e a autoestima de pessoas com deficiência. E desde o começo os resultados têm sido muito positivos e gratificantes. No projeto, os alunos se desenvolvem através de atividades pedagógicas e exercícios básicos de bateria”, diz o site do projeto.

São 19 fotografias que demonstram que a música é uma grande ferramenta de inclusão social de pessoas com deficiência e que ela traz benefícios para o seu desenvolvimento físico e psicológico.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Fotos: Ilana Bar

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,271,435SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

17 momentos lindos do Carnaval 2019 que merecem ser compartilhados

Tem a "Moana" cantando ANUNCIAÇÃO, foliões dando dinheiro para um catador, a Ivete Sangalo comprando o isopor de uma vendedora arrasada e muito mais!

Menino chora muito ao ganhar bolo de aniversário feito pela irmã

Prepare a caixa de lencinhos porque o que essa garotinha fez para seu irmão no dia do aniversário dele vai tocar seu coração lá no fundo.

Cocriador da Netflix cria fundo para educação de crianças e adolescentes

Cocriador e CEO do serviço de streaming Netflix, Reed Hasting anunciou na terca-feira (12), em sua página no Facebook, que está criando um fundo...

Homem compra todos os doces de menino que trabalhava para ajudar no sustento de casa (PE)

Com uma história de vida parecida com a de Halley, o conferente de cargas Saulo Luiz de Albuquerque comprou todos os doces que o...

Alunos surpreendem colega que perdeu tudo em incêndio dando a ele novos brinquedos

Uma semana após o incêndio, sensibilizados com o acontecimento, professores e colegas de sala se uniram para presentear Daniel com novos brinquedos - e muito mais!

Instagram

A música como ferramenta de inclusão social de deficientes é tema de exposição em SP 4