Adidas revela os primeiros produtos feitos com plástico retirado do oceano: tênis e camisas de futebol

Clique e ouça:

Produtos feitos a partir de material reciclável não devem ser muito resistentes, não é mesmo? Errado. Mas e, no esporte, como o futebol, onde os atletas agarram a camisa uns dos outros o tempo todo? Será que uma camisa feita com plástico retirado do mar é suficientemente resistente? A resposta é sim.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Dois dos maiores times do futebol mundial, Real Madrid e Bayern de Munique, nesta temporada, estão usando camisas feitas com plástico retirado do oceano. Elas garantem alta performance em um dos esportes de maior contato e competitividade.

adidas-interna

As camisetas foram desenvolvidas pela fornecedora de material esportivo dessas duas potências do esporte, adidas, em parceria com a Parley for the Oceans. O Bayern de Munique usou as camisas adidas x Parley na partida contra o TSS 1899 Hoffenheim, no último dia 5 de novembro. Já o Real Madrid usará na partida contra o Real Sport Gijón, no próximo dia 26.

+Adidas lança tênis feito apenas com lixo retirado do oceano

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O segundo produto da parceria é o tênis de corrida UltraBOOST Uncaged Parley. O design foi inspirado nas ondas do mar, trazendo uma malha feita com uma mistura de plásticos retirados do oceano (95%) e poliéster reciclado (5%). Os cadarços, a sola e o suporte do calcanhar também foram feitos com materiais reciclados.

adidas1

“Esses lançamentos representam um novo passo na jornada da adidas com a Parley for the Oceans. Nós não somente conseguimos criar um calçado de plástico do oceano reciclado, como também criamos a primeira camisa feita 100% com resíduos do oceano”, explica Eric Liedtke, membro do conselho executivo do adidas Group e responsável por Global Brands.

O executivo afirma que o objetivo da empresa e da Parley for the Oceans para 2017 é retirar cerca de 11 milhões de garrafas PET de áreas costeiras. Todo esse material será transformado em novos produtos de elite e alta performance.

“Agora não estamos pensando só em gerar conhecimento para o problema. Queremos colocar em ação e implementar estratégias que possam acabar com o ciclo de poluição de plástico para sempre”, afirma Cyrill Gutsch, fundador da Parley for the Oceans.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Veja o vídeo (em inglês):

Todas as imagens: Divulgação

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,026,080FãsCurtir
2,191,217SeguidoresSeguir
11,926SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Brasileira voluntária da 2ª Guerra Mundial é hoje voluntária na luta contra o Coronavírus

A dona Blandina era adolescente quando confeccionou luvas para os soldados brasileiros da FEB (Força Expedicionária Brasileira) que lutaram na 2ª Guerra Mundial. Lá se...

Jovens antecipam casamento após saber que um deles tem apenas 5 meses de vida

Se você, assim como eu, se acabou de chorar vendo "Um amor para recordar" lá em 2002, se prepare: essa história é real, e...

Policiais unem-se a manifestantes em ato contra racismo e violência, nos EUA

É preciso tomar muito cuidado com generalizações, afinal, a profissão e a raça de uma pessoa não podem a definir. E para provar isso, diversos...

Batismo de bebê conta com bençãos de familiares católicos, espíritas, evangélicos e umbandistas

Quando completou três meses de vida, o pequeno Iago recebeu as bençãos de sua família, cada qual à sua maneira: uma avó é católica,...

Surfistas vão todos os dias à praia para salvar vidas e recebem gratidão de banhistas

Só quem já passou pelo susto de perder o controle ao nadar em um mar ou uma piscina sabe o tamanho do alívio quando...

Instagram