Adidas revela os primeiros produtos feitos com plástico retirado do oceano: tênis e camisas de futebol

Produtos feitos a partir de material reciclável não devem ser muito resistentes, não é mesmo? Errado. Mas e, no esporte, como o futebol, onde os atletas agarram a camisa uns dos outros o tempo todo? Será que uma camisa feita com plástico retirado do mar é suficientemente resistente? A resposta é sim.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Dois dos maiores times do futebol mundial, Real Madrid e Bayern de Munique, nesta temporada, estão usando camisas feitas com plástico retirado do oceano. Elas garantem alta performance em um dos esportes de maior contato e competitividade.

adidas-interna

As camisetas foram desenvolvidas pela fornecedora de material esportivo dessas duas potências do esporte, adidas, em parceria com a Parley for the Oceans. O Bayern de Munique usou as camisas adidas x Parley na partida contra o TSS 1899 Hoffenheim, no último dia 5 de novembro. Já o Real Madrid usará na partida contra o Real Sport Gijón, no próximo dia 26.

+Adidas lança tênis feito apenas com lixo retirado do oceano

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O segundo produto da parceria é o tênis de corrida UltraBOOST Uncaged Parley. O design foi inspirado nas ondas do mar, trazendo uma malha feita com uma mistura de plásticos retirados do oceano (95%) e poliéster reciclado (5%). Os cadarços, a sola e o suporte do calcanhar também foram feitos com materiais reciclados.

adidas1

“Esses lançamentos representam um novo passo na jornada da adidas com a Parley for the Oceans. Nós não somente conseguimos criar um calçado de plástico do oceano reciclado, como também criamos a primeira camisa feita 100% com resíduos do oceano”, explica Eric Liedtke, membro do conselho executivo do adidas Group e responsável por Global Brands.

O executivo afirma que o objetivo da empresa e da Parley for the Oceans para 2017 é retirar cerca de 11 milhões de garrafas PET de áreas costeiras. Todo esse material será transformado em novos produtos de elite e alta performance.

“Agora não estamos pensando só em gerar conhecimento para o problema. Queremos colocar em ação e implementar estratégias que possam acabar com o ciclo de poluição de plástico para sempre”, afirma Cyrill Gutsch, fundador da Parley for the Oceans.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Veja o vídeo (em inglês):

Todas as imagens: Divulgação

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

Relacionados

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,019,816FãsCurtir
2,145,431SeguidoresSeguir
11,434SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Jovens e agricultores se unem e abrem bibliotecas na zona rural da Paraíba

Eu já estou apaixonado por essa história antes mesmo de começar a contar pra vocês. Esse é um exemplo de que a união entre...

Guy Fieri arrecada US$ 22 milhões para funcionários de restaurantes desempregados

Guy Fieri é uma verdadeira celebridade nos Estados Unidos, onde além de ser empresário e dono de uma grande rede de restaurantes, também é...

Após alagamento, vaquinha arrecada R$117 mil e idosos ganharão um lar novo (BA)

Os velhinhos da Casa de Idosos Giuseppe Aras, em Itabela (BA), vão ganhar um lar novo! O asilo onde os 34 idosos moravam ficou alagado...

Pescadores salvam 5 tartarugas marinhas presas em rede de pesca

Na praia de Araranguá, em Santa Catarina, o que tinha tudo para ser apenas mais um dia normal para alguns pescadores, transformou-se em uma...

Electrolux doa 600 eletrodomésticos e 4 mil máscaras por semana para hospitais

A Electrolux do Brasil, líder no mercado de eletrodomésticos, tem buscado ampliar, cada vez mais, suas iniciativas de suporte à sociedade diante do cenário...

Instagram