Adolescente de 15 anos faz e vende lindos crochês para ajudar mãe com paralisia

Dizem que a arte salva e talvez seja verdade, se pegarmos a história do adolescente André Müller, 15 anos. A arte no caso dele é o crochê.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Há dois anos, André confecciona peças de crochê para ajudar a mãe Luciene, que tem paralisia infantil, na renda de casa. Eles moram em Garuva, Santa Catarina.

Criamos uma vaquinha na VOAA para André não lutar essa batalha sozinho. O valor é para que André possa pagar o aluguel de alguns meses, comprar alimentos e materiais para fazer crochê. Clique aqui e contribua.

Como tudo começou

Cada “não” que a mãe recebia quando saía para buscar emprego por causa da sua condição mexia muito com André. Foi então que ele começou a fazer crochê para por essa dor para fora.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

menino fazendo crochê ao lado mãe sentados sofá
Tudo pela mãe! Foto: Herison Schorr

Renda fixa

A pensão do pai de André, morto em 2011 após uma parada cardíaca. Essa é a única renda fixa dele e da mãe.

O problema é que o aluguel de R$ 600 da casa onde moram compromete mais da metade da pensão.

A situação lá anda nada fácil, essa que é a verdade. Conhecemos a história da família através do jornalista Herison Schorr, do site Folha Norte SC.

peças crochê
Gente, ele arrasa! Da sua esquerda para a direita: Penal de crochê, Centro de mesa, “Ponto do André”. Foto: Herison Schorr

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Vaquinha para ajudar André na renda de casa. Clique aqui e faça sua doação.

Preconceito

Afff tem gente que ainda acha que crochê é uma atividade exclusivamente feminina. Para André, é um dom. Errado não tá.

“Não precisa se esconder e nem sentir vergonha, pois é um dom de Deus, e em tempos atuais, não existe mais trabalho feminino ou masculino”, afirma.

Ele aprendeu a fazer crochê com a avó e vendo tutoriais no YouTube.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

menino mostra manta crochê
Foto: Herison Schorr

Estudo e trabalho

André está no 9º do ensino fundamental. Ele faz os crochês antes e depois das aulas.

Aliás, sou do time de quem acha que artes manuais como o crochê deveriam ser ensinadas nas escolas. Quem tá comigo? 🖐

Vaquinha para ajudar André na renda de casa. Clique aqui e faça sua doação.

Ganho com os crochês é de R$ 60/mês

É pouquíssimo, gente!

Mas é isso, André não ganha mais que R$ 60 vendendo suas peças de crochê. Tem mês que nem isso ele ganha. Para Luciene, o gesto do filho é o que mais importa.

“Agradeço a ajuda e admiro os trabalhos artesanais do André, confesso que sinto até um pouquinho de inveja, pois não consigo fazer. Tenho grande admiração pelo meu filho”, conta a mãe.

filho abraçando mãe vestida manta crochê
Luciene é só orgulho pelo filho que tem. Foto: Herison Schorr

menino mostra polvo crochê azul
Foto: Herison Schorr

Pensando lá na frente, no seu futuro, o jovem artesão quer fazer faculdade de pedagogia e ser professor de séries iniciais.

Na sala de aula ou num ateliê, o objetivo certamente será um só: tirar da cabeça da mãe os “nãos” que a vida te deu. O filho diz “sim”.

Vamos ajudar o André a ajudar sua mãe? Clique aqui e faça sua doação.

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
4,246,606SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Urls erradas de sites pornô levam para um site contra a exploração sexual feminina

Você já parou pra pensar do drama vivido pelas mulheres que trabalham na indústria pornô? As mulheres totalizam 70% das pessoas que contraem DST nessa indústria...

Menino ganha violão de brinquedo, comemora, e vai às lágrimas com violão de ‘verdade’

Ele já tinha se contentado com o violãozinho de madeira que os pais deram, mas não sabia que ele fazia parte da surpresa!

Prefeito de Jacobina (BA) reduz o próprio salário em 92% e vai para posse montado em boi: ” A gente tem que dar o...

O prefeito de Jacobina (BA), o agricultor Tiago Dias, nem assumiu o cargo direito e já foi fazendo algumas mudanças em seu mandato que...

OLX e Tech Girls: empresa doa notetooks e R$ 10 mil na OLX Pay para projeto de alfabetização digital de mulheres de baixa renda

Lembra do Tech Girls? Um projeto bem bacana que oferece capacitação em empreendedorismo digital e tecnologia a mulheres em situação de vulnerabilidade social. Achamos...

Seis invenções que você provavelmente nunca ouviu falar

Você tem acesso aos lugares mais remotos da internet, pode visitar bibliotecas online e se conectar a mentes brilhantes. Porém, é triste dizer isso,...

Instagram