Com apoio de ONG, adolescente com paralisia cerebral aguarda o sonhado primeiro emprego

Genúsia Araújo, de São Paulo, tem muitos amigos e até familiares que trabalham na Obra do Berço, o que fez com que a ONG fosse a primeira que aparecesse em sua cabeça quando sua filha Lívia, então com 15 anos, disse que queria se preparar para o mercado de trabalho e conseguir um emprego.

Lívia foi diagnosticada com paralisia cerebral quando bebê, tem a mobilidade reduzida e precisa de muletas e cadeira de rodas. A mãe, que é dona de casa e sustenta três filhas ao lado do marido, que é porteiro, pensou na Obra justamente porque sabia que, lá, a filha receberia gratuitamente o suporte de que precisava para se equiparar aos colegas. E os resultados superaram as expectativas de toda a família.

Hoje, depois de dois anos frequentando diariamente o Centro para Juventude Conecta Jovem, Lívia está mais madura e independente, além de ter feito diversas amizades e desenvolvido a criatividade, a postura ética e o pensamento lógico. Agora, ela e a mãe aguardam o tão sonhado primeiro emprego.

Texto: Giovanna Reis
Foto: arquivo pessoal 

Conteúdo publicado originalmente na TODOS #43, em maio de 2022.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Relacionados

“O esporte mudou minha vida: me tornei a primeira mulher cadeirante triatleta do Brasil”

Danielle Nobile, 36 anos, paratleta de Riberão Preto (SP), conta como o esporte salvou sua vida e narra o caminho que a fez virar...

Com aulas gratuitas de bodyboard em Aracaju, casal promove a inclusão de pessoas com e sem deficiência

Há uma década, o casal Byron Virgílio dos Santos Silva, 43 anos, e Anne Christiane dos Santos Bastos, 42, de Aracaju, deu início ao...

+ DO CANAL

Irmãs se livram de bullying e recuperam o sorriso com ajuda de ONG

“Se não fosse a Turma do Bem, eu não estaria sorrindo até hoje”, diz Roberta da Silva Andrade, 19 anos, de Itaúna (MG). Ela,...

Ex-diarista vira vice-campeã brasileira de xadrez e participa de mundial

Em dezembro de 2021, Cibele Florêncio, 24 anos, precisou correr para tirar um passaporte às pressas e fazer sua primeira viagem. O motivo era...

“Depois de fazer faxina em uma empresa de marketing, construí uma carreira de sucesso na área”

Mães aprendem a conviver com a obrigação de dar conta de tudo e, depois, com a culpa por descobrir que ninguém consegue cumprir com...

Artistas de Alagoas usam a arte para falar da importância de preservar o rio São Francisco

O protagonista dessa história é o Rio São Francisco. Um dos mais importantes do país, conhecido carinhosamente como Velho Chico, ele banha a cidade...

“Virei modelo plus size e uma referência de beleza para a minha filha”

Como se libertar de padrões impostos pela sociedade e conquistar o tão desejado amor-próprio? Neste depoimento, Lívia Costa, 41 anos, modelo plus size de...

Instagram