Array

Air France realiza voo intercontinental com óleo de cozinha usado como combustível

O grupo aéreo Air France-KLM realizou no último dia 18 de maio seu primeiro voo intercontinental utilizando 16% de óleo de cozinha usado na mistura de combustível de sua aeronave. O Airbus A350 saiu de Paris (França) e levou sete horas para pousar na cidade de Montreal (Canadá), em voo-teste que evitou a emissão de 20 toneladas de dióxido de carbono.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A iniciativa da Air France é uma parceria com o grupo ADP e a petrolífera Total, além da empresa aeronáutica francesa Airbus. O biocombustível foi tanto produzido quanto recolhido no próprio país. O óleo de cozinha refinado para avião não demanda qualquer adaptação para a utilização nas atuais aeronaves do mercado.

O uso deste novo biocombustível não afeta a segurança dos aviões, já que o SAF (Combustível Aeronáutico Sustentável, em tradução livre), atende as mesmas especificações que o querosene, amplamente difundindo na indústria aérea. A expectativa da Air France é inserir o o óleo de cozinha oficialmente em setembro, em voos comerciais de Paris para Amsterdã (Holanda).

“Por muitos anos o Grupo Air France-KLM se comprometeu a reduzir sua pegada ambiental. Junto com a renovação da nossa frota, combustível aéreo sustentável constitui nossa alavanca principal em médio prazo para reduzir nossa emissões de CO2 por passageiro/km pela metade até 2030”, contou o CEO do grupo, Benjamin Smith.

Air France Airbus A350
A expectativa da Air France é que outras empresas adotem o SAF. Foto: reprodução/Airbus

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Ações governamentais podem acelerar implantação de biocombustíveis

A legislação francesa exige que a partir de 2022, pelo menos, 1% do combustível de todos os voos que decolem na França possuam algum tipo de SAF para maior proteção do meio ambiente. A porcentagem crescerá no decorrer dos anos para 2% a partir de 2025 e 5% em 2030 para o cumprimento do Acordo Verde Europeu.

Segundo o site Tecmundo, a Air France terá um gasto adicional de 4€ (R$ 26) por passageiro para a realização de seus voos com o biocombustível de óleo de cozinha. A expectativa é que outras empresas aéreas adotem os SAFs para que a indústria aérea permaneça competitiva.

Quer conhecer mais histórias inspiradoras? Dá o play!

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,786,495SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

24 ideias de produtos (incríveis!) inspirados na natureza

Seria ótimo viver em contato com a natureza e suas paisagens, seja um bosque, um parque, uma trilha na mata fechada, uma praia, um...

Nubank vai pagar iFood, consultas e outros serviços essenciais para clientes

O Nubank vai criar um fundo de R$ 20 milhões para apoiar seus clientes durante a pandemia de coronavírus (Covid-19). "Durante esse momento tão difícil,...

Luminárias de flores gigantes se abrem quando passam os pedestres

Em formato de flores gigantes que se abrem em uma linda dança quando pedestres passam por elas, as luminárias desenhadas por Vallero Square ganharam o nome de “Warde“.

Estudo comprova: famílias homoafetivas dedicam mais tempo aos seus filhos

Vai ter família homoafetiva sim e se reclamar, vai ter mais!

Boticário dá 20% de desconto para quem entregar embalagens vazias

Aquela campanha de logística reversa que todo mundo ama.

Instagram