Alunos dão rosas para funcionária que sofreu ofensas racistas

É impressionante que em pleno século 21 existem pessoas que cometem ofensas racistas e se sentem bem com isso.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Além de crime, o racismo fere profundamente a dignidade da pessoa. Muitas vezes, a vítima se recolhe e até tem medo de denunciar o racismo, sentindo-se culpada pelas ofensas recebidas.

Leia também:

[VÍDEO] Gari dá verdadeira aula de história para explicar racismo no Brasil

Professora aposentada emociona plateia da FLIP ao contar sobre sua luta contra o racismo

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Imaginamos que algo parecido ao que acabamos de descrever passou pela cabeça da funcionária de uma universidade que foi alvo de ofensas racistas. Alguns estudantes imitaram gritos de macaco, gratuitamente, para ofendê-la – e conseguiram. 😥

Cabe às pessoas que amam a vítima acolhê-la e dizer com todas as letras que são os outros que estão errados, independentemente da posição social que ocupam. Foi exatamente o que fizeram os estudantes que deram rosas para a funcionária da universidade. 🌹🌹🌹🌹🌹

A funcionária foi às lágrimas com a mensagem de acolhimento que as rosas simbolizavam. A voz embargada mostra que a emoção que estava sentido era forte demais para expressar as primeiras palavras de gratidão

“Você é muito amada!”, diziam os estudantes enquanto as lágrimas corriam pelo rosto da funcionária antes dela finalmente conseguir agradecer: “Obrigada!”.

Assista ao vídeo:

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

crédito das imagens: Divulgação

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,425,269SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Garotinho autista que se perdeu é encontrado protegido por seus dois cães

Um garotinho autista de 3 anos foi encontrado por policiais depois de se afastar de sua casa em Ponce de Leon, na Florida (EUA),...

Starbucks cria poltronas para suas lojas feitas do próprio lixo plástico

A rede de cafés Starbucks teve uma ótima iniciativa para melhorar a sustentabilidade em sua lojas. Todos os lixos plásticos que são produzido nas...

Menino que cata latinhas para competir conquista medalha em torneio

O judoca Victor Ariel, apelidado de "Cobrinha", conquistou a medalha de bronze no Campeonato Paulista de Judô, realizado no sábado passado (8), em São Carlos,...

Com ‘delivery’, ele já entregou mais de 2 mil currículos para ajudar desempregados

Um Delivery de Currículos é TUDO para quem precisa arrumar um emprego em tempos de isolamento social! Sem poder sair de casa, como é que...

Plataforma virtual da Nespresso mostra processo de reciclagem das cápsulas de café

Mais transparência no processo de reciclagem das cápsulas de café.

Instagram