fbpx

Esse casal prova que nem todo amor de Carnaval acaba na Quarta-Feira de Cinzas

Érika se aproximou de um desconhecido para ajudar, foi socorrida e encontrou o amor da vida dela!


amor de carnaval
PUBLICIDADE ANUNCIE

It’s Carnaval! E sabe aquela história que todo amor de Carnaval acaba na Quarta-feira de Cinzas? Né bem assim, não. 🧐 O amor da Érika e do Fabian só cresce desde a última folia. Vão marcar casamento e tudo mais.

Érika é do Rio de Janeiro, mas costumava viajar para a região serrana no Carnaval, querendo sossego. Mas nesse dia uma amiga insistiu pra Érika ir num bloquinho com ela, na Praia do Leme, pois tinha brigado com o marido e não queria ficar em casa.

Leia também: Projeto incentiva a recolocação no mercado de trabalho para pessoas com mais de 50 anos

“Chegando no bloco, nós vimos que estavam roubando muitos celulares, carteiras e joias. De onde eu estava era um pouco alto e dava pra ver tudo acontecendo. Foi quando eu vi três jovens tramando para assaltar alguém. Eles apontaram para um ‘gringo’ que estava bem na minha frente”, lembra Érika.

amor de carnaval

O gringo era Fabian, que veio da Alemanha curtir o Carnaval no Rio. Mas até ali Érika não fazia ideia quem era o “gringo”. Ela só queria evitar que ele fosse assaltado. 👀 “Eu desci de onde estava para ir falar com ele. Começou com uma conversa com um inglês meio ‘arranhado’.”

Érika perguntou se Fabian estava bem, disse para tomar cuidado (guardar o celular e a carteira) e que qualquer coisa ele poderia ficar perto dela e de suas amigas. “Deixei ele… algum tempo depois, ele trouxe cervejas e decidiu ficar perto de nós. Ficamos amigos…”.

amor de carnaval

Leia também: Apaixonados pelo Carnaval homenageiam a folia através de abecedário audiovisual

Fazia muito calor naquela tarde e Érika acabou passando mal, no meio do bloco. Fabian socorreu Érika e se ofereceu pra levá-la pra casa. Mas Érika recusou. Ainda assim, os dois trocaram telefone e ficaram mais amigos.

PUBLICIDADE ANUNCIE

amor de carnaval

“Todos os dias, um lugar diferente. Acabamos ficando juntos. Foram dias maravilhosos ao lado dele. Ele foi embora. Sentiu saudades. Ficamos uns 17 dias sem muito contato, até ele me ligar da Alemanha e me pedir em namoro.

E o amor foi indo! Em agosto, Érika visitou Fabian, conheceu a família e os amigos dele. Ficou um mês por lá e curtiu outros países da Europa com Fabian. No final do ano, ele quem fez a visita. Passou o Réveillon no Rio com Erica e oficializou tudo com a família dela.

amor de carnaval

amor de carnaval

“Ele volta em setembro, para o meu aniversário… estamos planejando nossa união entre janeiro e março de 2020. Estou organizando tudo para ir embora, viver com ele.”

Érika se aproximou de um desconhecido para ajudar, foi socorrida e encontrou o amor da vida dela! ❤❤

E, você, também tem um amor de Carnaval que não acabou na Quarta-feira de Cinzas?

[Nota da Redação]

A cobertura do Carnaval 2019 sobre toda sua diversidade é um oferecimento de @useopaloka.

Compartilhe o post com seus amigos!

  • Siga o Razões no Instagram aqui.
  • Inscreva-se em nosso canal no Youtube aqui.
  • Curta o Razões no Facebook aqui.

amor de carnaval

crédito das fotos: Arquivo do casal

PUBLICIDADE ANUNCIE

PUBLICIDADE ANUNCIE

Comentários no Facebook

Acessar

Resetar senha

Voltar para
Acessar