Hospital desenvolve ursinho que emite mensagens de parentes e amigos queridos às crianças em tratamento contra o câncer


Hospital desenvolve ursinho que emite mensagens de parentes e amigos queridos às crianças em tratamento contra o câncer 1
PUBLICIDADE ANUNCIE

Do que você mais sente falta aqui? – Essa foi a pergunta feita às crianças isoladas em fase de tratamento contra o câncer no Hospital Amaral Carvalho de São Paulo.

As respostas passearam entre – pai, mãe, irmão, tio, avô, professores, colegas de escola, mas todas relacionadas à presença de pessoas especiais que faziam parte do convívio das crianças e hoje essa possibilidade não mais existe, devido ao tratamento contra o câncer.

Durante o tratamento, as crianças recebem quimioterapia e outros medicamentos fortes. Logo existe a necessidade de isolamento para evitar que a baixa imunidade atrapalhe o desempenho do tratamento. Elas recebem visitas, porém todas são controladas, só pode entrar um por vez e com tempo limitado.

Foi então que os médicos do setor de pediatria do hospital se viram motivados em encontrar uma solução que trouxesse mais conforto e alegria para essas crianças. Eles trabalharam durante meses em busca de alguma ideia, receberam inúmeras sugestões e muito apoio.

Eis que um brinquedo foi apresentado, o ursinho Elo. Ele emite mensagens de voz deixadas às crianças pelo celular, via WhatsApp, pelos seus parentes, amigos e etc.

eloo

O resultado, ainda está em fase de avaliação, mas as crianças já aprovaram. Elo já foi adotado e tornou-se o mais novo e grande companheiro dessas crianças.

PUBLICIDADE ANUNCIE

Basta que a criança aperte um botão que fica na mão do ursinho quantas vezes quiser, e ela ouvirá um recadinho de alguém especial. O dispositivo acoplado no brinquedo pode armazenar várias mensagens, dependo do tamanho do arquivo.

Elo

“Tudo o que a gente fizer em relação à humanização para minimizar o sofrimento que é inerente ao tratamento de câncer, que demanda muita hospitalização, muita quimioterapia, muito efeito colateral, é importante; qualquer coisa que se fizer no intuito de minimizar esse isolamento necessário”  – Claudia Teresa de Oliveira – médica hematologista e chefe da oncologia pediátrica do hospital Amaral Carvalho de São Paulo

Assista ao vídeo emocionante:

Elo, tecnologia e amor pela vida!

EELO

PUBLICIDADE ANUNCIE


PUBLICIDADE ANUNCIE

Comentários no Facebook

Acessar

Resetar senha

Voltar para
Acessar