Antártida tem quase 20% a mais de colônias de pinguins-imperador do que se pensava

0
2083
pinguim-imperador

Um estudo divulgado esta semana mostrou que há quase 20% a mais de colônias de pinguins-imperador na Antártica. As imagens foram registradas pelo satélite Copernicus Sentinel-2 da Comissão Europeia para localizar as aves.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

De acordo com a comissão, foram encontradas 11 colônias que não estavam em nenhum registro. Três delas já tinham sido vistas anteriormente, mas nunca foram confirmadas oficialmente. Isso eleva o censo global a 61 colônias em todo o continente.

pinguins
A imagem da pesquisa BAS mostra colônias no centro que parecem manchas marrons.
| Reprodução: Good News Network

Busca por novas colônias acontece há 10 anos

A espécie de pinguins imperadores é pouco estudada, pois vivem em regiões muito remotas e de difícil acesso. Os locais também chegam a ter -50 ° C, dificultando a permanência de grupos por longos períodos.

Nos últimos 10 anos, o British Antarctic Survey (BAS), reuniu um grupo de cientistas para procurar essas colônias em especial.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Esta é uma descoberta empolgante”, comemorar Dr. Peter Fretwell, geógrafo da BAS e autor principal do projeto. “As novas imagens de satélite da costa da Antártica nos permitiram encontrar essas novas colônias”, completa.

Para a BAS, isso representa um aumento considerável na população de pinguins do planeta. A contagem hoje reúne cerca de 278.500 casais reprodutores, o que garante a permanência da espécie por mais algumas décadas.

No entanto, os cientistas afirmam que a espécie ainda está um pouco comprometida. Como o habitat de reprodução da ave é em gelo marinho, a perda dessas áreas na Antártida, devido as mudanças climáticas do planeta, podem comprometer a criação do novos filhotes.

VEJA TAMBÉM!

Quem nunca cantou essas músicas deste jeito tá fazendo errado 😂😂 Comenta aqui uma música que não está no vídeo e que você sempre cantou de outro jeito 😂

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

 

FONTE: Good News Network

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.