Aos 102 anos, judia recebe título de doutorado negado por nazistas

Foram quase 80 anos de espera, mas finalmente aconteceu.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A alemã Ingeborg Rapoport, de 102 anos, recebeu o título de doutorado, que lhe foi negado pelos nazistas pelo fato de ela ser judia. O evento aconteceu semana passada, quando Ingeborg recebeu seu esperado doutorado em Medicina.

Sua tese foi escrita em 1938, na Universidade de Hamburgo, sobre difteria, doença que matou milhares de pessoas no século passado. Mas, por ser judia, as leis racistas dos nazistas proibiam que ela defendesse a tese.

A alemã se refugiou nos Estados Unidos durante a guerra, mas nunca desistiu do doutorado.

Aos 100 anos de idade, obteve da universidade a promessa de reconsiderar o caso, desde que defendesse a tese, o que a obrigou a estudar nos últimos meses as novidades dos últimos 80 anos.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Finalmente agora posso parar”, disse ela ao receber o título de doutora.

Aos 102 anos, Ingeborg virou a pessoa mais idosa do mundo a receber um doutorado.

ingeborg-rapoport-01-800

Foto: Reuters/Landov

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM




Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,857,801SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Com simples gesto de empatia, senhora garante segurança de todos em trem no Canadá

Um pouquinho de compaixão pode ter um impacto enorme. Há duas semanas, Ehab Taha, um canadense de 26 anos, estava no transporte público na região metropolitana...

Homem fica sem combustível e recebe ajuda de morador de rua em Brasília

O que parecia ser apenas mais um dia comum, graças à bondade de um desconhecido, tornou-se um dia tão especial, que foi capaz de...

Campanha d’O Boticário homenageia os padrastos e emociona o público

Se tem uma marca que fala para os mais variados públicos, com campanhas que questionam os modelos tradicionais de família, entra ano sai ano,...

Professor tira os próprios sapatos e entrega para aluno participar de formatura

O professor de ensino fundamental Vohn Lewis vem sendo bastante elogiado nas redes sociais por tirar os próprios sapatos e entregá-los a um aluno...

Enfermeira adota criança especial abandonada pela família no hospital

A enfermeira não pensou duas vezes antes de adotar a criança.

Instagram