Aos 67 anos, este homem transformou 30 hectares de deserto em terras cultiváveis

3
6366

Em 1974, Yacouba Sawadogo viu a seca assolar o Sahel, a zona ecoclimática e biogeográfica de transição entre o norte do deserto do Saara e o sul da savana sudanesa.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Desde então, o agricultor reviveu uma antiga técnica de cultivo que melhora a qualidade do solo, tornando terras desérticas em férteis.

Denominada ZAi, o método consiste em cavar regos de uns 20 cm em que se deposita esterco e composto ao lado das sementes. Após as primeiras chuvas, o rendimento da terra chega a multiplicar-se por quatro.

Junto com as sementes de milho e sorgo, começaram a crescer árvores.

Em Quahigouya, Capital de Yatenga, no Norte de Burkina Fazo, Sawadogo criou em 20 anos um bosque de 20 hectares.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Enquanto as pessoas abandonavam suas casas e suas terras, ele seguia buscando melhorar a região e repovoar com árvores Gourga.

Na época, o consideraram louco, mas, 40 anos depois, ele já tornou as férteis e próprias para cultivo mais de 3 milhões de hectares de terras desérticas em 8 países do Sahel.

Montado em sua moto, também percorreu o país para ensinar a técnica para outros agricultores que ainda viviam por lá. Hoje, aos 67 anos, o consideram um herói.

Abaixo, você pode ver o documentário “O homem que deteve o deserto”, de 2010, do cineasta Mark Dodd.

“Se cortamos 10 árvores diariamente e não plantamos uma só em um ano, vamos caminhar direto para a destruição”, diz sabiamente Sawadogo.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Fonte: Paisagismo Digital

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

3 COMENTÁRIOS

  1. Que homem magnífico! Enquanto muitos encontram desculpas sobre plantar em terras como essas, ele foi a luta e mostrou que é possível. Valeu a perseverança e insistência dele. Louco ou parasita é quem não tenta, ele demonstrou que tudo é possível. Parabéns a ele e que sua atitude seja sempre lembrada e posta em prática!

    What a wonderful man! While many find excuses about planting on lands like these, it was the fight and showed that it is possible. Thanks to perseverance and his insistence. Crazy or parasite is one who does not try, he showed that anything is possible. Congratulations to him and his attitude always be remembered and acted upon!

Comments are closed.