Aplicativo ajuda deficientes visuais a identificar ônibus antes de embarcar

O quarteto Alberto Neto, Alexandre Nogueira, Risonaldo Moura e João Borges, estudantes do curso de Engenharia da Computação da Universidade Federal do Pará (UFPA), criaram um aplicativo que auxilia deficientes visuais a identificar o itinerário dos ônibus antes de embarcar.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Os estudantes de Engenharia da Computação desenvolveram o app BusID durante a disciplina de Computação Gráfica e Processamento de Imagens, oferecida pelos professores Deyvison Penha e Ronaldo Zampolo.

Durante as aulas, eles perceberam que existia uma carência de tecnologias assistivas para os deficientes visuais. Foi então que os estudantes decidiram aplicar o conhecimento adquirido em sala de aula no desenvolvimento do aplicativo.

“Percebemos que os deficientes visuais em Belém têm bastante dificuldade para identificar, sozinhos, a linha do ônibus que está à sua frente, pois nem mesmo há sistemas de localização que os auxiliem nesta tarefa, como em algumas cidades do País, contribuindo, portanto, com o aumento de sua dependência e exclusão social”, disse Risonaldo ao site da UFPA.

aplicativo deficientes visuais ônibus

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O BusID identifica a linha do ônibus através da câmera do celular e fala em voz alta para o usuário, sem a necessidade de tocar na tela do aparelho ou em algum botão, e, o melhor de tudo, sem precisar de conexão com a internet.

Os desenvolvedores ressaltam que para funcionar corretamente, o número do identificador da linha deve estar visível e o usuário precisa estar a uma distância menor que 10 metros. Por enquanto, a base de dados do app conta com cerca de 98% de todos os ônibus da Região Metropolitana de Belém cadastrados.

Nas próximas atualizações do aplicativo, serão adicionadas as linhas de ônibus que restam com as letras, e não somente com os números, além de aprimoramentos na usabilidade para os usuários, conforme seus feedbacks, o lançamento de uma versão para iOS, e opções para outras cidades do País.

Abaixo, uma matéria que explica mais sobre o BusID:

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Fotos: Jornal Cultura/Reprodução

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,559,192SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

[VÍDEO] Ao ganhar flores, idosa com Alzheimer reconhece marido e o abraça

Uma idosa que sofre de Alzheimer reconheceu o marido ao ser presenteada com um buquê de flores. A cena emocionou o neto e tocou...

Esta cachorrinha ajuda a dona, que sofre de narcolepsia, nas tarefas domésticas e nas compras

Harlow foi treinada por Jaquie para atender seus comandos quando ela precisa de ajuda. A Golden ajuda Jaquie a lavar roupas, nas compras semanais e também pega água na geladeira.

Papai Noel autista é a certeza de que nenhuma criança ficará fora da magia do Natal

Há três anos, Kerry Magro, de 29 anos, veste-se de Papai Noel num evento que ele organiza para crianças com autismo e outros problemas sensoriais.

Noiva passa mal e perde própria festa de casamento em BH, mas amigos fazem linda surpresa

Amanda Kathryn sempre sonhou com o dia de sua festa de casamento, inclusive abriu mão de muitas coisas para que a cerimônia e...

Chris Pratt usa língua de sinais para pedir desculpas por gafe com pessoas surdas

“Por que o Instagram não tem algum tipo de tecnologia para adicionar legendas automaticamente aos seus vídeos?”, ele perguntou.

Instagram