Após salvar os garotos e o técnico na Tailândia, médico chora a morte de seu pai

O médico australiano Richard Harris foi o último a deixar a caverna onde os 12 garotos e o técnico do time de futebol ‘Javalis Selvagens’ estavam presos na Tailândia.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Harris havia planejado tirar férias nos dias em que aconteceram a operação. Porém, ele decidiu se unir às equipes de resgate internacionais, segundo informações publicadas pelo Lanka News Pont e El Confidencial.

Ele era o encarregado de fornecer as informações médicas de cada evacuação, e também por decidir qual seria a ordem de saída das crianças. Dessa forma, o médico anestesista e mergulhador de cavernas teve um papel de extrema importância na operação.

Após a euforia de ter conseguido resgatar com sucesso os garotos e o técnico, Harris recebeu uma notícia pra lá de triste, que ele e outros heróis da missão não mereciam receber. 😥

Assim que saiu da caverna de Tham Luan, ele foi informado de que seu pai havia falecido.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

médico chora morte pai após salvar meninos tailândia
O último herói da Tailândia não merecia receber essa notícia

Harris preferiu não falar com a imprensa sobre um assunto tão delicado. Seu supervisor, o médico Andrew Pearce, enfatizou que esse é “um momento de dor” para Harris e sua família.

“É um momento de dor, agravado pelas exigências físicas e emocionais de ter feito parte de uma operação de resgate altamente complexa e bem-sucedida”, afirmou Pearce. “Ele vai voltar para casa em breve e terá um tempo merecido para estar com sua família.”

Além de elogios de seu supervisor, Harris foi elogiado pela Associação Médica Australiana, pela pessoa que ele é e pelo seu profissionalismo. O diretor da instituição, Tony Barton, declarou que Harris arriscou a própria vida para salvar a vida de outras pessoas: “Ele é um médico maravilhoso e um ser humano maravilhoso”.

A humildade de Harris ficou nítida durante uma conversa que ele teve com o primeiro-ministro australiano, Malcolm Turnbull, via FaceTime, depois que deixou a caverna. Harris declarou que os “verdadeiros heróis” dessa história são os 12 meninos e a Marinha da Tailândia.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Eles são os responsáveis pela sua segurança e se eles não estivessem no estado em que os encontramos não poderíamos ter feito nada. São as crianças mais fortes que tive o privilégio de conhecer.”

crédito das fotos: divulgação

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,520,475SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Marca de roupa baiana faz lindo ensaio com crianças pretas da periferia de Salvador e cria vaquinha para fabricação de bonecas

"Você já teve uma boneca preta?" E foi de uma forma simples e forte que a marca de roupa baiana Dugueto lançou nesta segunda...

Defensor público no Maranhão dispensa ser chamado de Doutor: “É simplesmente Renan”

Os dizeres constam em aviso colado na porta do gabinete do jovem defensor público, Renan Barros dos Reis, de Lago da Pedra/MA. Foto do...

Esposa surpreende marido com anúncio criativo de sua gravidez

Tudo indicava que ele ganharia um relógio da Apple de presente de aniversário, mas sua esposa criativa o surpreendeu. Ao abrir a caixa, o que ele...

O bebê e o Pit Bull que conquistaram o coração dos internautas

O bebê, Eisleigh e o filhotinho de Pit Bull Clyde, já conquistaram o coração dos internautas. Não é a primeira vez que a amizade entre um...

Esse bebê de menos de 3 anos nada melhor que muitos adultos!

Bebês na água parecem sempre desengonçados e quase sempre com medo da piscina (pelo menos no começo), mas essa fofura de no máximo 3...

Instagram