Voluntários reformam casa de família que adoecia por causa de condições precárias do imóvel

Stephanie e os três filhos viviam adoecendo por causa das condições do quarto, o que mudou totalmente depois da reforma: “Eu meu senti privilegiada e cuidada”.


Voluntários reformam casa de família que adoecia por causa de condições precárias do imóvel 1
PUBLICIDADE ANUNCIE

Todo mundo quer morar numa casa confortável. O direito básico a uma moradia com condições dignas ainda é o sonho da maioria da população brasileira.

Esse também era o sonho da família de Stephanie Priscila Rosa, que mora com os três filhos numa casinha bem modesta em Paranapanema (SP). Ela e os filhos dormiam juntos no único quarto da casa, que era cheio de problemas e tirava o sono da mãe. Sonhar neste local era difícil, mas agora se tornou possível.

A família recebeu a reforma completa do quarto, através do Programa Vivenda, que leva melhorias para as moradias de centenas de pessoas que vivem em regiões periféricas de São Paulo. Clique aqui e apoie!

O quarto tinha infiltrações, não existia ventilação, apresentava problemas na instalação elétrica e o teto ameaçava cair. Já imaginou que situação para os três filhos de Stephanie? Eles têm idades de dois, três e quatro anos e viviam doentinhos por causa das más condições do quarto.

Voluntários reformam casa de família que adoecia por causa de condições precárias do imóvel 2
Stephanie e os filhos viviam adoecendo por causa das condições do quarto. Foto: Programa Vivenda

Meu quarto era escuro, frio, úmido, não tinha janela, com fiação complicada e o teto tava caindo. Meus filhos ficavam doentes frequentemente por conta da friagem”, lembra a mãe. 😞

Voluntários reformam casa de família que adoecia por causa de condições precárias do imóvel 3
Foto: Programa Vivenda
Voluntários reformam casa de família que adoecia por causa de condições precárias do imóvel 4
Foto: Programa Vivenda
Voluntários reformam casa de família que adoecia por causa de condições precárias do imóvel 5
Foto: Programa Vivenda

Mas essa situação mudou em menos de uma semana. Em cinco dias, o Projeto Vivenda, através da rede #GeneroCidadeSP, tratou de rebocar e pintar todas as paredes, colocou cerâmica, forro no teto, pôs janela e consertou as instalações da energia. Dezenas de famílias sonham com essa oportunidade, clique aqui e contribua!

PUBLICIDADE ANUNCIE
Voluntários reformam casa de família que adoecia por causa de condições precárias do imóvel 6
Foto: Programa Vivenda

“Na hora que eu entrei, nem parecia a minha casa. Está bem melhor! A primeira noite quando eu acordei aqui, eu olhei em volta, olhei nos meus filhos e pensei: ‘Nossa, nem parece que eu estou num quarto seguro com meus filhos, sério que tá acontecendo isso, num é um sonho não?’ Fiquei meio tonta na hora”, relatou.

Vê só como foi a reação da Stephanie no momento em que entrou no quarto reformado:

Depois da reforma, Stephanie, que tem rinite alérgica, e os três filhos não adoeceram mas por problemas respiratórios, como costuma acontecer.

“É um bem-estar para os meus filhos, uma coisa boa para eles. Mais claro, mais arejado. Eu meu senti privilegiada e cuidada. Agora eles não ficam mais doentes e não tenho mais medo do teto cair sobre a cabeça deles”, finalizou.

Voluntários reformam casa de família que adoecia por causa de condições precárias do imóvel 7
Crianças não adoecem mais e podem brincar com mais segurança e saúde. Foto: Reprodução/YouTube Loft Brasil

Campanha

O Vivenda atua dando crédito acessível e realizando reformas em casas de moradores que vivem em extrema vulnerabilidade, como a família da Stephanie. Em cinco anos, já foram reformadas mais de 1.600 residências em locais como o Capão Redondo, Jardim São Luís, Jardim Ângela, Campo Lindo, Parque Santo Antônio, Cidade Dutra e Grajaú. 

E, você, pode ajudar!

O Razões é parceiro do Programa Vivenda e o Instituto Phi – um das instituições que mais fortalecem o setor social hoje no Brasil, estimulando diversas ações filantrópicas de indivíduos e empresas – numa campanha de matchfunding na Benfeitoria, plataforma que conecta pessoas e projetos!

A ideia é arrecadar R$ 280 mil até o dia 22 de novembro de 2019 para realizar o sonho e mudar a vida de 50 famílias em risco! Vai ser assim: a cada real doado, o Instituto Phi doará outro, formando um matchfunding, quer dizer, o impacto da colaboração é duplicado!!

Vem com a gente, clique aqui e apoie!

 

PUBLICIDADE ANUNCIE


PUBLICIDADE ANUNCIE

Comentários no Facebook

Acessar

Resetar senha

Voltar para
Acessar