fbpx

Em Jericoacoara (CE), uma Orquestra proporciona a crianças a chance de sonharem com um futuro melhor

A Orquestra Jeri impulsiona sonhos dentro e fora da música.


meninas tocando orquestra jeri ceará
PUBLICIDADE ANUNCIE

No paradisíaca Jericoacoara, destino turístico do município de Jijoca, no Ceará, cerca de 50 crianças aprendem mais do que música na Orquestra que leva o nome do distrito.

Elas aprendem que é possível seguir outros caminhos além da música aplicando o empenho e esforço que dedicam à música. O projeto é uma iniciativa dos músicos Wallyson Lima e Lucas Vasconcelos. Tudo começou em 2016 e de lá pra cá a Orquestra Jeri musicalizou mais de 100 crianças gratuitamente.

Leia também: Jovem brasileiro tem vida transformada por projeto social que ensina música para crianças e adolescentes carentes

As aulas acontecem no Centro Comunitário da pequena Vila de cinco ruas, de segunda à sexta, das nove da manhã às sete da noite. E olha, os pequenos músicos são pequenos apenas no tamanho e na idade: tocam um repertório que inclui grandes nomes da música popular brasileira, como Pixinguinha, Cartola, Alceu Valença e Baden Pawell… De impressionar o redator, que mal sabe pegar um violão – só pegar, pois tocar é coisa que eu chamo de impossível!

professores orquestra jeri
Wallyson Khoala (esquerda) e Lucas Vasconcelos (direita) são os únicos dois professores da Orquestra Jeri

Na turma tem desde criança com poucos recursos até filhos de donos de pousada. Ainda assim, a grande maioria vem de famílias necessitadas: aposta suas fichas na música para proporcionar um futuro melhor pra elas e suas famílias.

“Mais do que musicalizar, nossa ideia é fazer com que eles entendam a questão da vocação. Porque tudo começa com a vocação. É aquilo que você veio fazer neste planeta, entende? Então a gente tenta acima de tudo motivá-los a seguir sua vocação. Se vai ser na música, se vai ser em outra coisa, independentemente do que seja, tudo o que eles estão aprendendo vai servir para usar no exercício vocacional deles”, contou Walyson, o Khoala, em conversa com o Razões para Acreditar.

alunas orquestra jeri

alunos orquestra jeri

Leia também: Professora usa música para aluno surdo interagir com os colegas

Dizer que os alunos do projeto acreditam que podem ter um futuro melhor através da música não é nenhum exagero. Para a Risia Kaile, aluna de Saxofone Tenor, a Orquestra Jeri é muito mais do que um passatempo.

Vai ser com ela que eu vou ser alguém na minha vida. Com a ajuda do Lucas e do Khoala eu vou conseguir chegar lá. E junto com a Orquestra eu vou chegar muito mais rápido lá. A gente é meio que uma segunda família. Todo mundo se apoia, se ajuda. Tipo, quando alguém tem um problema na música, todos vão ajudar. É com eles que eu vou conseguir ser alguém na minha vida. A Orquestra pra mim é algo muito importante, não é só um passatempo!”, diz Risia, decidida do que quer para sua vida.

aluna orquestra jeri

alunos orquestra jeri

PUBLICIDADE ANUNCIE

Uma iniciativa belíssima, que não precisa de mais adjetivos depois da fala da Risia. Mas que carece de suporte ao mesmo tempo, devido a procura das aulas ser muito alta: não existe instrumento pra todo mundo e equipamentos específicos, como cordas e paletas, por exemplo, precisam ser adquiridos para o funcionamento da Orquestra.

“Geralmente eu e o Lucas fazemos uma vakinha e compramos os instrumentos. Ou a gente vai pedindo pra um e pra outro, junta um dinheiro e vai comprando. Hoje, todas as crianças têm seu instrumento, não tá faltando pra ninguém. Só para os novatos, que a gente já tá encaminhando”, explica Khoala.

orquestra jeri tocando praia orquestra jeri tocando praia

A Orquestra Jeri também conta com o apoio permanente de uma empresária, que se comprometeu a doar um instrumento todo mês. Fora esse apoio, é Wallyson e Lucas que fazem o que podem para nenhum aluno ficar sem instrumento – e sonhar com um futuro melhor através da música, como sonha Risia.

Leia também: Projeto conforta pacientes de hospitais do Rio através da música

orquestra jeri tocando praça

orquestra jeri tocando festival

orquestra jeri festival

A maior parte das apresentações da Orquestra acontece dentro da Vila, em pousadas, praças e até na areia da praia. Mas os garotos já se apresentaram fora da Vila, encantando quem tem o privilégio de parar para escutá-los. Em alguns casos, ao lado de músicos gabaritados, como Hermeto Paschoal, ganhador de grammy e tudo mais.

“Apesar de serem grandes as dificuldades, maior é a esperança e a determinação em persistir no sonho de um ideal nobre, que é mudar a realidade das crianças de Jericoacoara através da música”, enfatiza Khoala.

É hora então de ver a Orquestra Jeri em ação, dá o play:

Para saber mais e apoiar o projeto, acompanhe a Orquestra Jeri no Facebook e Instagram – ah, inscreva-se no canal da turma no YouTube.

Compartilhe o post com seus amigos!

  • Siga o Razões no Instagram aqui.
  • Inscreva-se em nosso canal no Youtube aqui.
  • Curta o Razões no Facebook aqui.

orquestra jeri crianças carentes sonhos

crédito das fotos: Reprodução/Instagram @orquestrajeri

PUBLICIDADE ANUNCIE

PUBLICIDADE ANUNCIE

Comentários no Facebook

Acessar

Resetar senha

Voltar para
Acessar