Artesã indiana recicla 400 kg de pneus usados e confecciona 1000 pares de sandália com eles

Nem sempre se deixa um emprego “confortável” e bem remunerado em uma multinacional para começar do zero. Mas com o planejamento e a confiança necessária, grandes empreendedoras, como a indiana Pooja Apte-Badamikar, 26 anos, são capazes de criar negócios verdadeiramente apaixonantes.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Com sede em Pune, no oeste na Índia, Pooja combinou seu interesse de empreender com o desejo de produzir um produto ecologicamente correto que fosse esteticamente agradável e durável.

O conceito de Pooja é simples: ela usa pneus velhos para confeccionar sandálias desenhadas por ela mesma.

artesã indiana recicla pneus confecciona sandálias

Sabia que agora o Razões tem um livro? O Que Eu Aprendi Até Agora – 50 Conselhos Inspiradores Para Uma Vida Cheia de Razões Para Acreditar! está em pré-venda até 15/08. Comprando o seu exemplar agora, ganhe um brinde especial + frete grátisclique aqui.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Vontade de ter um negócio próprio

Depois de concluir a faculdade de Engenharia Eletrônica e Telecomunicações, Pooja trabalhou quatro anos em uma empresa de tecnologia e energia renovável.

No meio do caminho, Pooja deixou o emprego, confiante o suficiente para começar algo do zero.

artesã indiana recicla pneus confecciona sandálias

“Depois de deixar meu trabalho, comecei a pesquisar diferentes métodos de reciclagem e pensei em usar pneus velhos. Há muitos pneus descartados que podem ser reutilizados, e eu estava me perguntando que coisa nova pode ser feita com isso. Normalmente, resíduos de pneus são usados ​​apenas em indústrias maiores, pois quebrá-los (tratamento de pirólise) é muito caro e, se não for feito da maneira certa, pode causar poluição do ar. Achei que reciclá-los também ajudaria o meio ambiente”, explicou Pooja.

A empreendedora pensou então na produção de calçados como um meio de reciclar os pneus e criar algo novo. “Poucas pessoas sabem que antigamente os pneus usados dos aviões eram usados ​​para aumentar a durabilidade dos calçados. Hoje em dia, apenas os sapateiros mais profissionais usam isso para consertar calçados. Ninguém usa a sucata e é um setor totalmente desorganizado”, acrescentou.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Sua pesquisa deu origem à BlinkGreen e sua própria marca de calçados chamada Memital, formada a partir de duas palavras em sânscrito: ‘memi’, que significa pneu, e ‘tal’, que significa sola.

Borracha gasta convertida em lindas sandálias

Desde o início da marca, Pooja obtém sua matéria-prima através de um respeitado borracheiro de 80 anos que vive em Pune.

Em seguida, ela trata os pneus e os corta em tiras, que são processadas na fábrica e convertidas em coloridas sandálias desenhadas pela artesã e empreendedora.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

No início deste mês, ela comemorou a confecção de 1000 pares (equivalentes a 400 kg de pneus reciclados) – todos eles vendidos para mulheres da região.

O sonho de Pooja é expandir seu negócio para outros países do sul asiático, como Bangladesh, Sri Lanka, Nepal e Paquistão. Com o esforço que ela tem feito, isso é apenas uma questão de tempo!

Inovação a serviço da sustentabilidade

Existem benefícios de sobra em trabalhar com calçados feitos com matéria-prima reciclada. Além de ecologicamente correto, o calçado também é bastante durável, com garantia superior a dois anos.

Por ser artesanal, muitos empregos diretos também foram criados na fábrica, trazendo renda para dezenas de mulheres que são chefes de família.

Em entrevista ao portal Indian Times, Pooja contou que inicialmente estava preocupada se havia tomado a decisão certa ao deixar um emprego seguro. “Mas fiz o certo. Eu tinha muita fé no meu conceito e gosto do que estou fazendo. Com sorte, em breve verei os frutos do meu trabalho”, completou.

Sabia que agora o Razões tem um livro? O Que Eu Aprendi Até Agora – 50 Conselhos Inspiradores Para Uma Vida Cheia de Razões Para Acreditar! está em pré-venda até 15/08. Comprando o seu exemplar agora, ganhe um brinde especial + frete grátisclique aqui.

Veja também:

Fonte: New Indian Express
Fotos: BlinkGreen / Memital

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,758,975SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Professor da USP desenvolve asfalto que absorve a água da chuva

Para um motorista, talvez não haja nada melhor do que uma rua bem cuidada e asfaltada, onde se roda macio, como um tapete. O...

Motorista muda rota do ônibus para levar cadeirante diretamente ao seu destino e facilitar seu deslocamento

No último domingo (4), uma atitude de pura empatia chamou a atenção dos moradores de Praia Grande, em São Paulo. Uma moradora do bairro Caieiras,...

Grafiteira afegã transforma resistência feminina ao Talibã em arte: ‘Quero trazer a mulher para a sociedade’

"A arte é uma forma amigável de lutar contra todo tipo de problema". Assim resume Shamsia Hassani, 33 anos, sobre sua maneira de expressar...

Herói pula em lago gelado para salvar desconhecida: “Não pensou duas vezes e se atirou na água gelada

Na última semana mais uma pessoa entrou para a lista dos heróis da vida real! Na cidade de Cascavel - Paraná, um homem estava...

Chicão, filho de Cássia Eller, emociona fãs da cantora pela semelhança das vozes

Cássia e Chicão tem vozes incrivelmente parecidas, sério!

Instagram