Associação leva 50 mil crianças pobres para praia nas férias

Há 40 anos, uma associação organiza excursões para crianças carentes, por acreditar que as férias são antes de tudo um direito, e não um luxo.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Este ano, a Secours Populaire (‘Socorro Popular’, em tradução livre) levou 50 mil crianças para aproveitarem a chamada ‘jornada dos sem-férias’, segundo uma matéria publicada pelo G1. A associação alugou mais de 900 ônibus para levar a turma.

Leia também: Filha melhora o astral da mãe que andava desanimada em viagem

Muitas crianças, de 6 a 12 anos, vivem nos subúrbios de Paris, e não ligaram de acordar um pouco mais cedo do que estão habituadas para curtirem um dia de praia. Até porque várias foram à praia pela primeira vez. Dá para imaginar a ansiedade delas, e provavelmente nem conseguiram dormir à noite.

“Quero muito nadar. Fiquei um pouco apreensiva, porque nos meus sonhos o mar era menor, mas agora vejo que ele é gigante”, contou o pequeno Mohamed, 7 anos, impressionado com o tamanho do mar, bem maior do que aquele que via nos seus sonhos.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

As crianças encheram de alegria e agitação a praia de Cabourg, na Normandia, no Norte da França.

“Fizemos um castelo de areia, com dezenas de conchas e conseguimos até criar um pequeno rio no entorno”, disse a menina Sophia, 10 anos, orgulhosa da sua ‘obra de arte’. Já o companheiro de viagem, Sami, 12 anos, não quis saber de brincar na areia e foi direto para o mar.

“No começo a água estava muito fria, mas não quis sair para aproveitar as ondas. No fim já não sentia mais frio”, afirmou.

Um direito de todos

Uma das voluntárias que trabalhou como monitora na excursão diz que decidiu ajudar a associação olhando para sua própria experiência. Ela sempre viajou nas férias, “mas lembro que quando estava na escola, vários coleguinhas não tinham nada para contar quando voltávamos pra sala de aula”.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A cada três crianças, uma não viaja nas férias

Julien Lauprêtre, presidente da Secours Populaire, lembra que a cada três crianças, uma não viaja nas férias. Ele acredita que as férias não deveriam ser um luxo, mas um direito de todos. A entidade depende de doações para continuar organizando a ‘jornada dos sem-férias’. Para saber mais, clique aqui.

crédito da foto: Reprodução/Secours Populaire

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,505,556SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Vizinhos italianos dão um jeito super criativo de fazer um brinde à distância; veja o vídeo

Quem quer arruma um jeito. Quem não quer arruma uma desculpa! 😆 Sorte que esses vizinhos italianos deram um jeito - super criativo por sinal...

Depois de adotar uma cadelinha, empreendedor tem uma surpreendente mudança de vida

Quem deseja ter um pet muitas vezes sai de casa para comprá-lo. Mas existem coisas que o dinheiro definitivamente não compra e essa história...

Estudantes criam couro ecológico feito a partir de frutas podres que iriam para o lixo

Definitivamente, são os jovens que irão mudar o mundo. Alguns estudantes da Willem de Kooning Academy, uma escola de design em Rotterdam, na Holanda,...

Brasileiros levam 2 medalhas na Olimpíada Internacional de Linguística

A delegação de oito estudantes brasileiros que foi à Coreia do Sul representar o país na 17ª edição da Olimpíada Internacional de Linguística está...

Pai e filha criam startup para estimular aprendizado de alunos por meio de educação empreendedora

A partir de uma ideia para estimular o aprendizado de adolescentes e jovens nas aulas virtuais, pai e filha, Cesar de Aquino e Natália...

Instagram