Austrália reduz em 80% o consumo de sacolas plásticas descartáveis em apenas três meses

Por The Greenest Post

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

As sacolas plásticas, apesar de parecerem inofensivas e serem adoradas pelos brasileiros já que é possível reaproveitá-las como lixo, é uma das principais vilãs quando o assunto é vida marinha. Baleias e tartarugas morrem aos montes por ingerir tanto plástico e boa parte deles são sacolinhas de supermercado.

Para cortar o mau pela raíz, vários países já tomaram medidas drásticas: o Quênia, por exemplo, decidiu punir fabricantes e usuários de sacolas plásticas. A Escócia já economiza 650 milhões de sacolas plásticas ao ano com legislação nova e Indonésia já aderiu às sacolas biodegradáveis e comestíveis.

Após três meses com dois dos três principais supermercados do país banir as sacolas plásticas de seus estabelecimentos, a Austrália conseguiu reduzir em 80% o uso de sacolas plásticas descartáveis – estima-se que aproximadamente 1.5 bilhão de sacolinhas foram poupadas com a ação.

Leia também: Austrália distribuirá kits de energia solar (de graça!) para 50 mil residências

No começo os consumidores não gostaram de ter que comprar sacolas reutilizáveis por 0.15 centavos de dólares australianos – aproximadamente 0.40 centavos quando convertidos em reais. Alguns supermercados chegaram a voltar atrás na decisão, mas logo retomou a ação por pressão de ativistas a favor do meio ambiente.

Mas foi uma questão de tempo pois hoje os principais mercados do país já não distribuem sacolas descartáveis para realização de compras. Apenas um dos estados australianos ainda não baniram/taxaram as sacolinhas.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Foto: MabelAmber/ Creative Commons

Relacionados

Quer receber boas notícias todas as manhãs?

987,752FãsCurtir
1,764,126SeguidoresSeguir
8,645SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Jovem cria escola de lona para alunos carentes em Tocantins e internautas criam vaquinha

Com alguns tecidos, plásticos e madeiras que encontra no lixão, jovem construiu a sua escolinha de reforço. Mas quando chove, ele perde tudo.

Pitbull resgatado de “rinha” não para de sorrir no novo lar

Publicamos no final do ano passado o resgate de 33 pitbulls de uma “rinha” em Itu (SP). O estado dos cães era muito triste. Hoje,...

Menino vende desenhos no portão de casa para ajudar a família e comprar telas

Kayque coloca seus desenhos à venda no portão de casa por R$1,50 para conseguir dinheiro para as telas e para ajudar a família.

Cadeirante que faz entregas em SP sonha ter cadeira motorizada e internautas criam vaquinha

Conheçam o Luciano Oliveira, 44 anos, cadeirante que ficou conhecido por trabalhar como entregador de comida por aplicativo.

Ortobom doa 500 colchões para vítimas de chuva em Raposos (MG)

A Região Metropolitana de Belo Horizonte foi a mais afetada pelas fortes chuvas que caíram em Minas Gerais nas últimas semanas. Um exemplo é...

Instagram