Antes de morrer, Avicii doou milhões de dólares para a caridade

O DJ Avicii, morto no dia 20 de abril, em Omã, arrastou multidões em seus shows. Um artista bastante conhecido – se não pelo nome, por hits como Wake me Up e Hey Brother, que certamente você soube de quem era depois da morte do sueco.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O que pouca gente sabia é que Tim Bergling – seu nome de batismo – ajudava instituições de caridade. Antes de morrer, o artista doou milhões de dólares para instituições que combatem o problema da desnutrição.

A preocupação com o bem-estar de pessoas menos favorecidas começou no início da sua carreira. Sabe-se, por exemplo, que Avicci doou todo o dinheiro da turnê House of Hunger (Casa da Fome), em 2012, para um fundo federal dos EUA contra a fome.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Tim Bergling tinha 28 anos quando faleceu. Segundo informações do site TMZ, a causa foi suicídio.

Fotos: Reprodução/Instagram

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,640,029SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Escritor e cientista brasileiro com paralisia cerebral publicou 74 livros

O escritor e cientista Emílio Figueira tem paralisia cerebral e já publicou mais de 70 livros.

Mulher vê uma viúva chorando no restaurante e compra um buquê de flores para animá-la

A amizade entre duas pessoas independe da idade que elas tenham e as histórias vividas podem ser as mais lindas. A Brenda Collins publicou...

Diego Frazão, o jovem que foi salvo do tráfico através da música clássica

"Hoje sou um artista", dizia ele. Diego Frazão cresceu em Parada de Lucas, uma comunidade carente do Rio de Janeiro. Superou problemas de saúde e...

IKEA planeja dar centenas de empregos a refugiados no Canadá

A IKEA, empresa sueca gigante no setor de móveis e decoração, planeja dar oportunidades de trabalho e renda digna a centenas de refugiados no...

Instagram