Bailarina vende brigadeiros no trem para custear viagem internacional

Perder a chance de realizar seu sonho por falta de dinheiro? Nunca!

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Amanda Mattos, de Mesquita, no Rio de Janeiro, decidiu ir à luta para agarrar a oportunidade da vida dela. Amanda começou a dançar aos 6 anos de idade em um projeto social e sempre estudou em escola pública.

Hoje é aluna de dança e de circo da Secretaria de Cultura de Nilópolis – Escola Municipal de teatro Antônio José – e da GW Escola de Danças,  como professora estagiária.

A jovem passou em uma seleção para fazer balé no Central Florida Ballet, em Orlando, nos EUA.

Sabendo que não pode contar com a renda da família, que ganha pouco, há três meses ela está vendendo brigadeiros no trem, pra levantar o dinheiro para a viagem.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Com garra e otimismo Amanda leva os doces em um pote de plástico. Quando entra na composição, ela conta sua história aos passageiros em voz alta e pede que comprem seus brigadeiros.

A bailarina já conseguiu a metade do valor que precisa para viajar e agora lançou uma vaquinha eletrônica.

Moradora de Mesquita, a bailarina Amanda Mattos, de 20 anos, sonha desde criança em dançar fora do Brasil. Aprovada em uma seleção para um curso de férias de uma academia de dança em Orlando, nos USA, ela perfaz o trajeto do ramal Japeri diariamente vendendo brigadeiros. O objetivo é levantar fundos para a viagem, que acontecerá no mês que vem.Você pode colaborar doando pelo link: goo.gl/zhz2TS

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Posted by Conecta Baixada on Tuesday, June 20, 2017

Vaquinha

Além dos brigadeiros, Amanda fez mais: abriu uma vaquinha eletrônica para levantar os R$ 6 mil que precisa para a viagem.

Até agora conseguiu pouco mais da metade e o curso será no mês que vem!

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Ela ainda precisa dos custos de estadia e alimentação… algo em torno de 3 mil reais”, conta a mãe.

E Amanda se mantém firme no propósito!

“Sempre tive este sonho, diante de resultados positivos, mas sempre foi “adiado” por conta das dificuldades e da situação financeira”, diz a jovem na página, onde pede a ajuda.

Você pode colaborar doando pelo link: goo.gl/zhz2TS

Créditos: Amanda Mattos – Foto: reprodução / Conecta Baixada

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

Relacionados

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

995,574FãsCurtir
1,911,213SeguidoresSeguir
9,323SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Idosa de 87 anos confecciona máscaras de proteção para distribuir gratuitamente no MA

Sem conseguir encontrar máscaras de proteção, a professora, bióloga e engenheira civil Renatha Costa uniu forças com sua avó, dona Bernarda, 87 anos, para...

Magazine Luiza doa 1.000 colchões e travesseiros para moradores de rua em Belém (PA)

Desde o último sábado (21), o Estádio Olímpico do Pará, o Mangueirão, passou a receber centenas de pessoas em situação de rua da Região Metropolitana...

Após ver família comendo restos do lixo, homem abre restaurante para servir pessoas carentes

O dono de um restaurante em Vila Velha (ES) abriu seu estabelecimento para atender gratuitamente pessoas em situação de rua durante a pandemia de...

Angelina Jolie doa R$ 5 milhões para manter merenda de alunos durante quarentena

A atriz Angelina Jolie, 44 anos, doou US$ 1 milhão (R$ 5,2 milhões) para manter a distribuição de merendas escolares para crianças de baixa...

Coronavírus ‘sela paz’ entre palestinos e israelenses: saúde é prioridade máxima!

Há anos o mundo não via um encontro pacífico entre palestinos e israelenses. A Autoridade Palestina e Israel sentaram na mesma mesa para firmar...

Instagram