Vaquinha para ajudar idosa arrastada por carro arrecada mais que o dobro da meta

Em menos de 24h, batemos a meta da vaquinha para ajudar a diarista Marina Izidoro de Morais, 63 anos, que foi brutalmente arrastada por um carro por mais de 100 metros em Taguatinga (DF). A ideia era arrecadar 10 mil reais, mas até o momento já foram arrecadados mais de 28 mil reais! Ainda dá tempo de contribuir clicando aqui.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Desde que a notícia chegou até nós, através da Lorena Loschi, pensamos em maneiras de ajudar a dona Maria no tempo em que ela se recupera da agressão. Relembre como tudo aconteceu.

E graças a solidariedade de todos, vamos conseguir dar o suporte que a dona Marina precisa para dar a volta por cima. Além de ajudá-la com os custos do médico e do tempo que precisará ficar parada, por conta dos ferimentos espalhados pelo corpo, o dinheiro também a ajudará a arcar com os custos de um advogado para acompanhá-la no processo contra os agressores.

Esse triste episódio aconteceu enquanto a dona Marina trabalhava vendendo balões numa festa junina, quando um casal agarrou os produtos e arrancou com o veículo, levando a idosa junto. Além de ter causado ferimentos em todo o corpo da idosa, ela perdeu boa parte do dinheiro que havia ganhado naquele dia.

batemos meta vaquinha ajudar idosa arrastada carro

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

VOAA – A vaquinha do Razões

A plataforma VOAA foi criada com o intuito de, além de contar as histórias, fazê-las acontecer! Nela, reunimos campanhas de pessoas que precisam de ajuda. São vaquinhas feitas para mobilizar as pessoas a fazerem as histórias terem um final feliz!

Além do caso da Marina, que contamos acima, no VOAA há mais três histórias que precisam da sua ajuda:

Temos a história da Ana Paula, ex-moradora de rua que foi acolhida pela Tatiana Van Campo, proprietária de um salão de beleza em Natal (RN), após ter sido vista comendo comida do lixo. Relembre essa história clicando aqui.

Tatiana vai profissionalizar Ana Paula para ser parte da sua equipe. Porém, Ana Paula precisa de um lugar para morar, além de outras coisas básicas para recomeçar a sua vida. Ela não tem nada: roupas, calçados, uma cama, nada mesmo. Clique aqui e contribua.

batemos meta vaquinha ajudar idosa arrastada carro

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Temos também a história do jovem protetor Esdras. Com um trabalho sério, hoje, mantém um abrigo, em São José dos Campos (SP). O espaço é alugado e Esdras precisa de um local maior para dar mais qualidade de vida aos bichinhos. Ajude o Esdras a comprar o terreno que vai receber o novo abrigo do Projeto Abrigo Escola clicando aqui.

batemos meta vaquinha ajudar idosa arrastada carro

E também, você encontrará no VOAA a história da estudante Liliane Soares. Nascida em Salvador, filha de mãe solteira, negra e aprovada em um intercâmbio da Universidade da Califórnia: a 5ª melhor universidade do mundo! Para embarcar neste sonho, a Liliane precisa de ajuda! Clique aqui e contribua.

batemos meta vaquinha ajudar idosa arrastada carro

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Vamos juntos dar um final para essas histórias! Clique aqui e siga o VOAA no Instagram.

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,575,137SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Gastronomia Sustentável: projeto capacita jovens e adultos desempregados em Curitiba

Projeto pretende capacitar mais de 60 pessoas desempregadas em Curitiba este ano.

Como podemos mudar o mundo lavando louça

A mudança começa no dia a dia.

Serviço de assinatura de fraldas biodegradáveis oferece descarte sustentável

Em seus primeiros 60 dias de vida, um bebê utiliza, em média, 8 fraldas por dia (240 por mês!), número que vai se reduzindo...

Idoso socorre cãozinho atropelado em carrinho de mão: andou 1 km debaixo do sol quente

O aposentado caminhou um quilômetro da sua casa ao hospital veterinário.

Cidade ajuda jovem a legalizar sua banca de cachorro-quente

O adolescente diz que doará uma parte dos lucros para instituições de caridade de saúde mental.

Instagram