“Bela, recatada e sem lar”: ação aproveita repercussão da frase para promover adoção

0
1928

Acredito que todo mundo acompanhou a repercussão do artigo da revista Veja, com o título “Bela, recatada e do lar“.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

E claro que a declaração ganhou a internet e repercutiu enormemente no Brasil inteiro, inclusive aqui no Razões.

Aproveitando a polêmica, a Associação MaxMello – que que cuida de mais de 400 animais em Ibiúna, interior de São Paulo – lançou uma campanha bem simpática de adoção: Bela, recatada e sem lar.

Através do perfil @belarecatadaesemlar no Instagram na página facebook.com/AssociacaoMaxMello você pode conhecer a história de 9 cadelinhas em busca de um lar.Vejam:

bela2

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A Secretaria de Saúde de São Paulo já havia entrado na onda, e divulgado a foto de uma gatinha para adoção:

13043636_255919484758704_4491021684524587431_n

E sabe o mais legal? Ela já foi adotada olha só:

https://www.facebook.com/saudeprefsp/photos/a.196224860728167.1073741837.188016291549024/266436933706959/?type=3&theater

Pra alguma coisa serviu essa história toda 😉

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Via B9

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.